BIBLIA ORTODOXA

domingo, 6 de maio de 2012

JUÍZO JUDAICO AO VATICANO (EDON) E A SÃO PAULO E ÀS IGREJAS DE REFORMA

Hemeroteca Viva | Paulo e a Carta aos Romanos: a Igreja e a Sinagoga | Carta aos Hebreus - uma Reflexão Crítica

http://dl2.cbn.com/cbnplayer/cbnPlayer.swf?s=cbnlive-3
Foto del mensaje
  • Foto del mensaje
»
Convite à Valsa
conviteavalsa Apresenta  »»

NESTE BLOGUE/LIVRO/MANUAL PARTICULARMENTE INSPIREI-ME NOS VERSOS DA ESTROFE XXVIII DO CÂNTICO ESPIRITUAL DO MÍSTICO CATÓLICO JOÃO DA CRUZ:


“A MINHA ALMA PÔS A SUA ACÇÃO,


E TODA A SUA RIQUEZA AO SEU DISPOR,


JÁ NÃO SOU A GUARDA DO REBANHO,


NO FUTURO, SÓ TENHO UMA OCUPAÇÃO,


A MINHA ÚNICA OCUPAÇÃO É O AMOR”.

A monogamia funciona? > Um dos pressupostos mais aceitos na nossa sociedade é o de que o casal monogâmico é a única estrutura válida de relacionamento sexual, sendo tão superior que não necessita ser questionado. Na verdade, a nossa cultura coloca tanta ênfase nisto, que uma discussão séria sobre o assunto dos relacionamentos alternativos é muito rara. 
As sociedades que adotam a monogamia têm dificuldades em comprovar que ela funciona. Ao contrário, parece haver grandes evidências, expressas pelas altas taxas de relações extraconjugais, de que a monogamia não funciona muito bem para os ocidentais. Portanto, uma vez que nós humanos nos damos tão mal com a monogamia, outras estruturas de relacionamento, livremente escolhidas, também devem ser consideradas.
http://tl.gd/a1acag

O GRANDE DOUTOR MÍSTICO TAMBÉM ESCREVEU: “QUANDO A ALMA ATINGE UM CERTO GRAU DESTE AMOR SOLITÁRIO, SERIA DE GRANDE DANO, PARA ELA [...], QUERER, AINDA QUE FOSSE APENAS POR ALGUNS INSTANTES, OCUPÁ-LA EM NEGÓCIOS E OBRAS EXTERIORES, SEJAM DE QUE IMPORTÂNCIA FOREM. EM DEFINITIVO, NÓS SÓ FOMOS CRIADOS PARA ESTE AMOR. CERTOS ESPIRITUALISTAS DÃO PREFERÊNCIA À ACTIVIDADE E JULGAM PODER CONQUISTAR O MUNDO PELA PREGAÇÃO E OBRAS EXTERIORES. POIS BEM, QUE PENSEM NISTO: PRESTARIAM MUITO MAIOR SERVIÇO À [SOCIEDADE, ÀS INSTITUIÇÕES, ÀS ONG'S], TORNAR-SE-IAM MUITO MAIS AGRADÁVEIS AO [HASHEM] SE EMPREGASSEM SÓ METADE DE TEMPO ASSIM GASTO, PARA SE CONSERVAREM EM ORAÇÃO DIANTE DE D-US. PORQUE ENTÃO, FARIAM MAIS E MELHOR COM MUITO MENOS TRABALHO, E FARIAM MAIS COM UMA ACÇÃO QUE COM MIL, GRAÇAS AO MERECIMENTO DA ORAÇÃO E ÀS FORÇAS ESPIRITUAIS QUE DELA DIMANAM. AGIR DOUTRO MODO É MALHAR EM FERRO FRIO, É FAZER POUCO MAIS DO QUE NADA, ÀS VEZES ABSOLUTAMENTE NADA, OU MESMO FAZER MAL. EXTERIORMENTE A ACTIVIDADE PARECE CONSEGUIR ALGUMA COISA, MAS EM SUBSTÂNCIA SERÁ UM NADA, VISTO COMO UMA OBRA SÓ É BOA COM A VIRTUDE DO ETERNO”.

FC Porto Noticias
fcportonoticias FC Porto Noticias
FC Porto Noticias - O Diario do Dragão: Encostados à paredefcportonoticias-dodragao.blogspot.com/2011/11/encost…
Convite à Valsa
conviteavalsa Convite à Valsa
HÉLIO SCHWARTSMAN - Falta de juízo SÃO PAULO - Jovens que se metem em encrencas com a lei, como os alunos da (cont)tl.gd/e3qr2p

POR ISSO ESTE BLOGUE SERÁ UMA SÓ ORAÇÃO: QUALQUER NOVA ENTRADA PERTINENTE PARA OS CALVINISTAS OU OUTROS CRENTES SERÁ INSERIDA OU NOS ARTIGOS/CATEGORIAS/PÁGINAS JÁ EXISTENTES. EM VEZ DE DISPERSAR VAMOS CENTRALIZAR PARA FACILITAR O ACESSO AO LEITOR. FIQUEM BEM. GRAÇA E PAZ.

magcalcauvin: 
<br /><br /><br /><br /><br /><br /><br /><br /><br /><br />
imperfection is beauty..<br /><br /><br /><br /><br /><br /><br /><br /><br /><br />
Rádio TSF
TSFRadio Rádio TSF
#Portugal Igreja Católica Portuguesa pede equidade na distribuição de sacrifícios dlvr.it/v3mx6
█░█░█▀█░█░░█▀█░░█▄█░█▀█░█▀▄░█▀▄░█░█▀▄ ███░█▀█░█░░█▀█░░█░█░█▀█░█░█░█▀▄░█░█░█ █░█░█░█░█▄░█░█░░█░█░█░█░█▄▀░█░█░█░█▄▀
»
Convite à Valsa
conviteavalsa Convite à Valsa (O meu twitter) »» Rui Rio pede sobretaxa para "todos": http://bit.ly/uFevAf  
Sylvio Gonçalves
SylvioGoncalves Sylvio Gonçalves
Nudista posa dentro de cavalo morto para homenagear STAR WARS V: O IMPÉRIO CONTRA-ATACA. Sério e (atenção!) nojento. ow.ly/7lxMg

Portland Nudist Poses Naked Inside Dead Horse In Homage To Star Wars |

Convite à Valsa
conviteavalsa Convite à Valsa
Convite à Valsa
conviteavalsa Convite à Valsa

DATE: NOV 7, 2011 | AUTHOR: WILL LEBLANC |
CATEGORY:
COOL STUFFFILM

Paulo e a Carta aos Romanos: a Igreja e a Sinagoga

“A carta é plurívoca, pois não comporta uma só apresentação de Deus, do Cristo, do humano e de suas interações, mas diversos discursos”, assegura a jornalista Maria Clara Bingemer, ao analisar a Carta aos romanos, escrita por Paulo de Tarso. Outro aspecto que ela examina é o surgimento do cristianismo: “A primeira comunidade cristã era 100% judia, de Jerusalém. Aí surge o que se chama o judeu-cristianismo. O judeu-cristianismo é quase um enigma, na história, porque acaba sumindo da história”.

Por: Maria Clara Bingemer

Bingemer é graduada em Jornalismo, mestre em Teologia, pela PUC-Rio, e doutora em Teologia Sistemática, pela Pontifícia Universidade Gregoriana, Roma. Entre suas obras, destacamos Simone Weil – A força e a fraqueza do amor (Rio de Janeiro: Rocco, 2007). O artigo, a seguir, foi apresentado no evento Diálogo inter-religioso: fraternidade judaico cristã promovido pelo Centro Loyola de Fé e Cultura da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), em 18-08-2008. Os subtítulos são nossos. Confira.



A Carta aos Romanos é um reservatório que parece inesgotável. Houve quem se apoiasse nela para pensar a predestinação, a eleição, a justificação somente pela fé, o pecado original, a revelação natural, as relações entre a Igreja e o Estado, as relações entre judeus e cristãos após a Shoah. Todos os temas que são anacrónicos no momento da redação da Carta (1º século), mas encontraram ali, muitas vezes numa metáfora, uma ancoragem mais fértil. Caricaturando um pouco, poder-se-ia dizer que cada giro decisivo da história do cristianismo apoiou-se na Carta aos Romanos. Por exemplo: Agostinho (passagem do cristianismo antigo à cristandade medieval), Lutero (a cisão protestante), Barth (a teologia dialética).
A carta é plurívoca, pois não comporta uma só apresentação de D-us, do Cristo, do humano e das suas interações, mas diversos discursos. Diversos pontos de vista se fazem aí entender (incluído aquele de um interlocutor virtual que põe questões ou objeções a Paulo). Assim, caso se atenda às tensões ou mesmo contradições do texto, percebem-se diversas descrições da justiça de D-us nos quatro primeiros capítulos: uma justiça vingativa, uma justiça legal, uma justiça fora da lei. Cada discurso assume o precedente, mas o modifica, modela e corrige, operando deslocamentos significativos na maneira de encarar a justiça.
Uma outra chave de leitura importante da Carta é que em Jesus Cristo o mundo conheceu uma transformação radical. Trata-se de uma visão do mundo que os especialistas qualificam de “apocalíptica”, conforme o nome da literatura judaica na qual o mecanismo desta transformação é desvelado e esperado. Ora, eis a afirmação inaudita de Paulo – mesmo para um judeu do 1º século, impregnado desta visão e destes escritos apocalípticos: não se deve mais esperar a transformação, mas ela adveio pelo Cristo. O mundo antigo, no qual a humanidade era escrava duma estrutura de opressão (Pecado–Morte–Lei), foi vencido graças à fidelidade do Cristo a D-us, que nos concede a sua Justiça. Este discurso da Carta aos Romanos tem algo de mitológico, mas também desvenda intuições profundas sobre estruturas antropológicas universais. Não é por nada que Paulo qualifica o seu discurso de “Evangelho”, isto é, em grego: anúncio extraordinário. Não é por nada que os filósofos contemporâneos se voltam para Paulo para aí procurar o novo, o radical, o libertador, o extraordinário. Não admira também que provocasse conflitos com a sinagoga.
Diálogo inter-religioso
Não é fácil falar de um diálogo entre Igreja e Sinagoga no sentido de identificação da Igreja e identificação da Sinagoga. O que temos contemplado, ao longo dos séculos foi, fundamentalmente, um relacionamento de incompreensões, hostilidades e fechamentos.
O Novo Testamento constitui para nós, cristãos, não apenas uma fonte fundamental da história para as origens desse relacionamento, mas, também, um ponto de partida para a reflexão teológica. Irei me centrar mais na reflexão teológica do que em outro ponto. Vou limitar-me a expor alguns pontos surgidos da leitura assídua das Escrituras neotestamentárias. É claro que estes pontos de vista deverão ser complementados com a visão surgida do Talmud e da tradição judaica, que não é tão conhecida, como deveria sê-lo pelos cristãos.
A primeira questão insistentemente levantada é: existe anti-semitismo no Novo Testamento? Porque, às vezes, se diz que o primeiro anti-semitismo se encontra no Novo Testamento. Sabemos que os nossos escritos sagrados são heterogêneos e redigidos ao longo de mais de 70 anos. O vocabulário e o estilo neles empregados variam notavelmente, de acordo com a época e os destinatários. Por isso, eles não podem ser interpretados sem levar em conta os leitores para os quais foram preparados. Deixando, pois, inicialmente, de lado os escritos paulinos, porque merecem um estudo mais pormenorizado, que eu pretendo focalizar no fim, vejamos os Evangelhos.
Há uma hipótese bastante provável de identificação de um fragmento de manuscrito da caverna sete de Qumran com o Evangelho de Marcos. Mesmo admitindo esta identificação, é certo que este Evangelho foi redigido após a separação definitiva entre a Igreja e a Sinagoga. Separação que se operou com a perseguição herodiana no ano 40 da nossa era, quando Tiago foi preso e executado e o grupo dos judeus-cristãos já tinha começado a regredir.
Judeu-cristianismo
A primeira comunidade cristã era 100% judia, de Jerusalém. Aí surge o que se chama o judeu-cristianismo. O judeu-cristianismo é quase um enigma, na história, porque acaba sumindo da história. Quase certamente nos outros três Evangelhos, pelo menos na versão que conservamos deles. Estes Evangelhos são posteriores à catástrofe do ano 70 dC/EC, quando Jerusalém foi destruída e o povo de Israel disperso. É quando os cristãos, seguindo o conselho de Jesus, fugiram para as montanhas. Lembrem, todos os Evangelhos Sinóticos, os três, colocam isto, no discurso escatológico: “Quando vires acontecer estas coisas, fugi para as montanhas” (Mateus 24, 15s; Marcos 13, 14; Lucas 21,20s).
Os evangelistas escreveram, pois, com a consciência de já formarem uma comunidade à parte, em face da Sinagoga. Ao se difundir no seio da comunidade de Israel, era necessário, para a nova religião, acentuar a própria identidade, contra a nostalgia do culto esplendoroso do Templo e das formas de piedade tradicionais. É suficiente dar uma olhada na Carta aos Hebreus para compreender esta concorrência acirrada. A Carta aos Hebreus focaliza este problema. Os cristãos, provenientes do judaísmo, diziam: “O nosso culto é tão pobre, tão pobre”. Eles reuniam-se nas casas, liam as Escrituras, cantavam os salmos, celebravam a Eucaristia com a fração do pão, o Abraço da Paz, mas nada daquele esplendor do Templo, com as vestes sacerdotais, com incenso, com os cantos. Por isso, esta nostalgia se faz muito presente na Carta aos Hebreus que diz: “Não, mas o nosso culto tem outras coisas, não o esplendor externo”.
O ponto fundamental da separação, inaceitável para o judaísmo, e que será sempre inaceitável, do ponto da vista da fé judaica, como é lógico, era e continuará a ser o caráter único de Jesus. Contra toda a tradição rabínica que reconhece uma pluralidade de mestres, o cristianismo apresentava um só, atribuindo-lhe ainda o caráter divino. Cristãos que, no começo, eram maioritariamente de origem judaica, passam a ser depois, fundamentalmente, gentios convertidos. Inclusive, um bom número de prosélitos influenciados previamente pelo judaísmo, mas que tinham permanecido um pouco à margem do judaísmo porque não levavam a sério as observâncias da lei mosaica, talvez, se conformassem com os Sete Mandamentos Enoquitas.
Neste contexto, os evangelistas tentaram mostrar as causas que levaram Jesus à morte. Os evangelistas escreveram, fundamentalmente, para cristãos provenientes da gentilidade. Talvez Marcos olhe mais para os ainda judeus, mas não muito. Os outros três claramente olham para os cristãos provenientes da gentilidade. Mas escrevendo para leitores maioritariamente não hebreus, simplificaram as suas descrições a fim de torná-las compreensíveis a todos e talvez lhes mostrar que o conflito ideológico era irreversível. Daí as denominações genéricas que aparecem ao longo de seus relatos. Os adversários de Jesus são os "escribas e fariseus" nos Sinóticos, por exemplo, ou os “judeus” no evangelho de João, que já está mais distanciado dos fatos.
Tradição rabínica
Devemos reconhecer, porém, que a linguagem e muitas das ideias pregadas por Jesus se enquadram dentro da tradição rabínica. Ainda mais, dentro da escola dos fariseus. Isto pode chocar a nós, leitores assíduos do Novo Testamento: dizer que Jesus estava dentro do quadro doutrinário dos fariseus. Mas não nos esqueçamos que os fariseus procuravam, em primeiro lugar, a santificação. Podia haver divergências no caminho, no modo, inclusive havia diversas escolas farisaicas. Contudo, os que na expressão dos evangelistas se tornaram inimigos de Jesus parecem formar um grupo compacto e numeroso que poderia ter sido constituído, fundamentalmente, pelos próprios fariseus. Advirtamos, porém, que os mesmos escritores dentro da narrativa dos fatos que conduziram à morte de Jesus, fazem alusão, também, aos Sumos Sacerdotes, ao Sinédrio, aos príncipes dos sacerdotes, os principais, sem esquecer os herodianos, a multidão e o povo. Encontramos todas estas expressões.
Esta multiplicidade de denominações mostra, claramente, que os relatos não foram redigidos com a exatidão histórica que teríamos desejado. Curiosamente, os romanos, que pelo menos foram os responsáveis legais e os executores da pena capital contra Jesus, quase são esquecidos e desculpados. Dá a impressão de que o cristianismo nascente, ao mesmo tempo em que afirmava a sua personalidade em face do judaísmo e contra a nostalgia dos que queriam, talvez, voltar a integrar-se na Sinagoga, queria evitar também a todo custo o conflito com o poder dominador.
Por outro lado, para os leitores de tradição não-judaica, seria impossível explicar todas as divisões das escolas rabínicas. Daí o recurso a uma denominação genérica que não podia ter na sua origem um sentido anti-semita, pois a quase totalidade dos autores do Novo Testamento foram judeus de raça, que não pretenderam renegar as suas origens. Uma comparação com os textos de Qumran - um grupo, provavelmente, de essénios, em conflito com os dirigentes do Templo - mostra que os distanciamentos e as condenações podiam assumir verbalmente uma generalização que estava longe de ter que ser entendida literalmente. Quando nós lemos os textos de Qumran, encontramos as mesmas maldições que se possa imaginar contra os sacerdotes de Jerusalém.
Examinando, logicamente, os textos dos Evangelhos, devemos dizer que nem a maioria do povo de Israel daquela época, nem sequer a maioria dos habitantes de Jerusalém tomaram parte ativa nos acontecimentos que levaram à morte de Jesus. Mesmo entre os escribas e fariseus, parece ter existido uma pluralidade de opiniões maior do que à primeira vista possa parecer. Os Evangelhos citam pelo menos três opiniões discordantes: José de Arimatéia,  Nicodemos  e Gamaliel.  Mas parece que, mais adiante, se vê que entre os sacerdotes também houve uma série de seguidores do cristianismo nascente.
Justificação pela fé
Em Paulo, o problema parece ser mais complexo. O zelo pelo judaísmo que o impulsionou a tomar parte na repressão inicial contra o cristianismo nascente acabou se transformando em ardor proselitista pela nova religião, ao mesmo tempo em que sentia dentro de si o desgarramento interior por causa de sua pertença ao povo de Israel. Nenhum outro escrito exprime isso melhor do que a Carta aos Romanos inquestionavelmente paulina. Junto com a Carta aos Gálatas, focaliza o problema principal da teologia paulina: a justificação pela fé. Mas, enquanto a Carta aos Gálatas foi escrita no ardor da polémica intra-cristã, entre os que no cristianismo queriam conservar as observâncias mosaicas e os que diziam que não era necessário, a Epístola aos Romanos é fruto de uma reflexão amadurecida posterior.
Eis um breve resumo dela. O contexto é o de uma comunidade, a de Roma, onde - de acordo com as informações recebidas por Paulo que ainda não tinha ido a Roma - só há informações por cartas ou por mensageiros. Segundo essas informações, as divergências naquela comunidade parecem conduzir a sérios desentendimentos entre os convertidos do judaísmo e do paganismo. O escrito prepara uma visita do apóstolo a essa comunidade, propondo uma solução para os problemas lá existentes, especialmente o da relação judaísmo-cristianismo.
Na Epístola, Paulo parte da contraposição entre Cristo, justiça de D-us, e a justiça que os homens pretendem alcançar por seu próprio esforço. Não nega o valor da antiga economia da salvação, mas lhe marca limites precisos. Em Romanos 7,12, ele escreve: “A Lei é santa. Justo e bom é o preceito”. Assim enuncia, claramente, Paulo de Tarso. A Lei fez o homem conhecer a vontade divina. Ao mesmo tempo, Paulo enfrenta, em si mesmo, o problema da própria debilidade e a consciência da própria culpa e não consegue ver na Lei a ajuda necessária para superá-las. Daí, a sua solução: “Somente em Cristo encontra-se essa ajuda e ela se obtém através da fé”. Vejam, Paulo tem muito de pessoal quando escreve o problema próprio. Ele sente a própria fragilidade. Ele se reconhece pecador. Ele não sabe como libertar-se e, então, propõe esta solução: “Somente em Cristo encontra-se esta ajuda e ela se obtém através da fé”.
A consequência lógica seria a exclusão da salvação dos judeus que permanecessem no judaísmo. Porém, não é, enfim, exatamente a solução que vai dar. Mas eu digo: é claro, se fôssemos lógicos, tiraríamos esta conclusão. E, por isso, não é estranho que os escritos paulinos tenham sido considerados fonte da polêmica judeu-cristã e até acusados de serem anti-semitas.
Contudo, Paulo, na mesma Carta aos Romanos, não parece satisfeito com aquela dedução e passa a polemizar com os cristãos provenientes da gentilidade que numa soberba mal dissimulada, desprezavam os judeus. Contra as conotações racistas que pareciam insinuar-se, ele deixa muito claro que, diante de Deus, não há acepção de pessoas. Todos os fiéis, seja qual for a sua origem, devem formar um só corpo (Romanos 12, 1-15). Além disso - e este é o ponto mais importante -, Paulo está convicto que aos israelitas, textualmente, pertencem a adoção filial, a glória, as alianças, a legislação, o culto, as promessas, os patriarcas. Deles é, conforme Romanos 9, 4-5, o Cristo, segundo a carne.
Confusão 
Nos capítulos 10 e 11, a argumentação torna-se um tanto confusa, pois confusa parece estar a mente de Paulo perante o mistério da salvação e os insondáveis desígnios de D-us. Por um lado, ele vê o que acredita ser a incredulidade de Israel e parece que, desse modo, fica fechada para esse povo a porta da salvação. Por outro lado, porém, tem que reconhecer que os dons e a vocação, no sentido de eleição de D-us, são sem arrependimento, irrevogáveis. É, então, aí que vem a contradição. Por um lado, dizendo: “Não. Mas, os judeus se fecharam e não têm mais salvação”; mas, por outro lado, diz: “Mas, os dons de D-us são irrevogáveis e aos judeus pertencem estes dons: a adoção filial, a glória, as alianças, a legislação, o culto, as promessas, os patriarcas”.
Como solucionar esta contradição? Ele conclui afirmando que D.us encerrou a todos na desobediência para a todos fazer misericórdia (Romanos 11,32). Acaba entoando um hino à misericórdia do Hashem. A solução final cogitada por Paulo é uma solução que apela para o mistério e, ao mesmo tempo, apresenta uma certeza: “Não quero que ignoreis, irmãos, este mistério, para que não vos tenhais na conta de sábios. O endurecimento atingiu uma parte de Israel, até que chegue a plenitude dos gentios. E assim, todo o Israel será salvo, conforme está escrito: ‘De Sião virá o libertador e afastará as impiedades de Jacó, e esta será a minha aliança com eles, quando eu tirar os seus pecados’”.
Paulo anuncia uma misericórdia para todo o Israel e não apenas para aqueles que tinham aderido ao cristianismo. Paulo se encontra desgarrado, entre a sua fé cristã e a sua pertença ao povo de Israel. E, por isso, também, fala contra os cristãos da gentilidade dizendo: “Do que vocês se vangloriam? Vocês são apenas ramos de oliveira silvestre enxertados no tronco da videira autêntica capaz de dar frutos e esse tronco é Israel. E o tronco não foi arrancado”. E, por isso, Paulo acaba, na realidade, a entoar este hino ao mistério de D-us: “Não quero que ignoreis este Mistério”.
Para Paulo, mistério, fundamentalmente, é o pensamento de D-us que ele diz: “É insondável”. E, portanto, deixa em aberto. Eu creio que nós, cristãos, nem sempre temos lido com suficiente isenção esta grande Carta aos Romanos em que acaba, aqui, depois daquela citação de Isaías, dizendo: “Quanto ao Evangelho, eles são inimigos por vossa causa”. E fica, mais uma vez, quase que uma contradição. Por vossa causa, ou seja, por causa dos gentios. “Mas, quanto à eleição, eles são amados, por causa dos seus Pais. Porque os dons e a vocação de D-us são sem arrependimento”. Termina o capítulo 11: “Ó abismo da riqueza, da sabedoria e da ciência de D-us! Como são insondáveis seus juízos e impenetráveis seus caminhos. Quem com efeito conheceu o pensamento do Hashem? Ou quem se tornou o seu conselheiro? Ou quem primeiro lhe fez o dom para recebê-lo em troca? Porque tudo é d'Ele, por Ele e para Ele. A Ele a glória, pelos séculos! Amém”.
Mistério histórico
Diante disto, eu creio que nós, cristãos, temos também que reconhecer, em Israel, um mistério histórico. À distância de 20 séculos, este mistério continua para nós. É o mistério de uma vocação que é irrevogável, que continua a ser válida, É o mistério de um D-us de misericórdia que nos chama a todos à salvação e, do qual esperamos a presença salvadora. Olhando Paulo e olhando estas contradições que estão nos seus escritos e que ele não consegue resolver e, por isso, apela ao mistério de D-us, tenho a impressão de que ele tinha em mente como que dois caminhos: o caminho da Igreja que ele escolheu com a fé no Cristo, uma fé a ser proclamada às nações; e o caminho da Sinagoga que mesmo que ele não quisesse mais seguir e que sentisse como um desgarramento dentro da sua própria carne, acaba tendo que reconhecer que continua a ser um caminho de vocação do D-us único.
Leia Mais...

O Novo Testamento é inversão de Valores

CONFRONTANDO O “NOVO TESTAMENTO” COM A TANACH

Maguen David - A Estrela Macrocósmica que representa
a ORDEM TEOCRÁTICA NA TERRA 
A Ordem de Melki-Tsedek

Novo Testamento (Livro Oficial da Roma Cristã e suas Filhas)

Tanach, ou seja, Torah, Neviim e Ketuvim (Bíblia Hebraica)
Um investigador sincero que faz uma leitura comparativa entre o livro de “Hebreus” e a Tanach, descobre logo que se trata de um livro escrito com a única e exclusiva finalidade de lançar descrédito à Torah e às Escrituras dos Santos Profetas de Israel.
Para início das nossas considerações, vale lembrar que não se sabe nem quem é o autor do livro de Hebreus, se é Paulo ou Apolo, ou outra pessoa. No decorrer da leitura deste livro percebe-se com clara evidência o esforço ingente do seu autor, de dizer que a Torah, o Sacerdócio Levítico, o serviço do Templo, enfim, tudo, haviam terminado e sido abolidos por serem imperfeitos, fracos e inúteis. Veja Hebreus 7:11-19.
No entanto, na Tanach está dito: “As obras das suas mãos são Verdade e Juízo; fiéis, todos os seus mandamentos. Permanecem para todo o sempre; são instituídos em fidelidade e retidão”. Está dito ainda: “A tua justiça é a justiça eterna, e a tua Lei (Torah) é a própria Verdade”. Veja Tehilim (Salmos) 111:7-8; e 119:142.
Caro leitor, se está dito na Palavra do Eterno, que a Sua Lei e o Sacerdócio são estáveis para sempre, como pode então o autor do Livro de Hebreus dizer tamanha barbaridade, que tudo foi abolido? Quem aboliu? Roma? Que autoridade Roma tem para tal façanha?
O autor de Hebreus mentiu descaradamente ao dizer que o Sacerdócio Levítico foi instituído sem juramento (Hebreus 7:20).
O Profeta Yirmeyahu diz: “Nunca faltará aos sacerdotes Levitas alguém que fique na minha presença; oferecendo os holocaustos, queimando oferendas e celebrando diariamente sacrifícios. A palavra do Eterno veio a Yirmeyahu: - Assim fala o Eterno – Se conseguirdes romper minha aliança com o dia e minha a aliança com a noite, de maneira que não haja mais dia e noite no momento determinado, então também a minha aliança com meu servo David será rompida; não haverá mais ninguém da sua descendência no seu trono para reinar. Assim acontecerá com a minha aliança com os sacerdotes Levitas, os seus ministros. Como o exército do céu que não pode ser enumerado, como a areia do mar que não pode ser medida, assim multiplicarei os descendentes de meu servo David e os Levitas, que são meus ministros.” Veja Yirmeyahu (Jeremias) 33:18-22.
Diz ainda a Palavra do Eterno: “Não violarei a minha aliança, e não mudarei a Palavra que saiu da minha boca”. Veja Tehilim (Salmos) 89:35.
Diz ainda outro Profeta: “Porque eu, o Eterno, não mudo”. Veja Malachy (Malaquias 3:6)
O Eterno, que é fiel e não muda, mantém Sua Aliança com David, e a Sua Aliança com os Levitas, os quais, no Reino Messiânico estarão restaurados e ministrando o Sacerdócio no Beit HaMikdash (no Templo), “OFERENCENDO OS HOLOCAUTOS, QUEIMANDO OFERENDAS E CELEBRANDO DIARIAMENTE SACRIFÍCIOS”, conforme vimos acima, na leitura do Profeta Yirmeyahu.
O autor do livro de Hebreus, portanto, foi longe demais ao dizer que não houve Aliança do Eterno com o Sacerdócio Levítico. Nos dias de hoje é comum vermos autocolantes em automóveis ou em estabelecimentos comerciais com a inscrição: “Deus é fiel”. Natural e indubitavelmente, esta inscrição se refere ao deus do cristianismo, e jamais, ao Eterno D’us de Avraham, de Ytshach e de Yaacov; não se refere ao Eterno D’us de Israel, o D’us dos Profetas. Na Torah está dito: “D-us não é homem, para que minta; nem filho de homem para que se retrate; porventura, diria Ele e não o faria? Diz Ele uma Palavra para depois não executá-la?” Veja Bemidbar (Números) 23:19.
O Eterno fez Aliança com Noach (Noé); Aliança com a Terra, e deu o Arco Íris como Sinal da Aliança. Cada vez que chove e faz sol, aparecendo no céu o Arco Íris, bendigo ao Eterno com uma oração:“BARUCH, ATÁ ADONAY ELOHEINU, MELECH HAOLAM, ZOCHER HABERIT VENEEMAN BIVRITÔ, VECAYAM BEMAAMARO" Traduzido é:"Bendito és Tu, Eterno, Rei do Universo, nosso D’us, que recorda a Aliança, és fiel ao Teu Pacto e manténs a Tua Palavra”Da mesma forma, o Eterno fez Aliança com Avraham, e Ele é fiel à Sua Aliança e a mantém.
Contraditorio-Judaico-ao-B´rit-Hadashah
Da mesma forma também, fez o Eterno Aliança com David e com os Sacerdotes Levitas, e a manterá, conforme vimos na leitura do Profeta Yirmeyahu acima. Confira novamente Yirmeyahu (Jeremias) 33:18-22.
E da mesma forma o Eterno manterá a Sua Palavra, com a qual disse que destruirá as nações idólatras, as filhas parceiras e amantes de Roma. Veja Yishayahu (Isaías) 9:4-5; Yoel (Joel) 3:1-21; Zacharyah (Zacarias) 12:2-3.
A Aliança do Eterno com David e com os Sacerdotes Levitas, é eterna como Ele é Eterno. Enquanto houver o Sol, a Lua, as estrelas, e a ordem do dia e da noite, estará em vigor a Aliança do Eterno com David e com os Sacerdotes Levitas.
Diz o Profeta: “Então as nações conhecerão que EU SOU o Eterno que consagro Israel, quando estabelecer meu Santuário no meio deles, para sempre”. Veja Yiecheskel (Ezequiel) 37:28.
Após a Guerra de Gog e Magog, cuja profecia é descrita em Yiechezkel 38 e 39, e na qual as nações poderosas serão castigadas, o Profeta começa, a partir do capítulo 40 em diante, o relato da profecia de reconstrução do Beit HaMikdash (Casa do Templo). Nos capítulos subseqüentes o Profeta fornece com riqueza de detalhes o projeto de reconstrução do Santuário do Eterno. Veja Yiechezkel (Ezequiel) capítulo 40 a 46.
HaMashiach (O Messias) – O Príncipe) se empenha pessoalmente na reconstrução do Beit HaMikdash (O Templo). Veja Zecharyah (Zacarias) 6:12.
Quanto à restauração do Altar, está dito: “E me disse: Filho do homem, assim fala o Eterno D-us: Eis as prescrições referentes ao altar, no dia em que for construído, para fazer subir sobre ele o holocausto e nele derramar o sangue. Aos sacerdotes Levitas e os da linhagem de Tzadok, que se aproximam de mim para servir-me, oráculo do Eterno D-us – darás um novilho em sacrifício pelo pecado. Apanhando do seu sangue, tu o passarás sobre os quatro chifres do altar, sobre os quatro ângulos do soco e sobre toda aborda em redor. Assim farás a expiação e a propiciação do altar. A seguir, tomarás o touro que serviu para a expiação e será queimado em lugar para isto designado na Casa, fora do Santuário. No dia seguinte oferecerás para expiação um bode, sem defeito, e será feita a expiação pelo altar, como foi feita com o touro. Quando tiveres concluído a expiação, oferecerás um novilho sem defeito, e um carneiro sem defeito, tomado do rebanho. Tu os apresentarás diante do Eterno: os sacerdotes lançarão sobre eles sal e os farão subir em holocausto para o Eterno. Durante sete dias, farás o sacrifício do bode pelo pecado, cada dia; o mesmo se fará com o novilho e o carneiro sem defeito do rebanho. Durante sete dias, se fará a propiciação para o altar; ele será purificado e inaugurado. Passados estes sete dias, os sacerdotes realizarão sobre o altar, no oitavo dia e nos seguintes, os vossos holocaustos e os vossos sacrifícios de paz; então Eu vos serei favorável – oráculo do Eterno D-us”. Veja Yiechezkel (Ezequiel) 43:18-27.
Na Bíblia de Estudo Pentecostal, editada pela CPAD, aparece uma nota de rodapé, alusiva à este texto que acabamos de citar onde diz textualmente o seguinte: “O retorno dos sacrifícios de animais depois do definitivo e perfeito sacrifico de Cristo tem sido uma dificuldade para os intérpretes”. Isto é o que diz o comentarista da Bíblia Pentecostal.
Roma, os seus ministros e as suas filhas, estão perfeitamente conscientes de que estas profecias de Yiechezkel (Ezequiel) são para a Era Messiânica, para o tempo de Restauração de Israel; tempo da reconstrução do Templo pelo próprio HaMashiach, como vimos na profecia de Zecharyah; tempo em que, como vimos na profecia, o Sacerdócio Levítico é Restaurado.
Mesmo estando conscientes da Verdade da Profecia, preferem permanecer na idolatria. Preferem ficar com o pseudo sacrífício humano de seu ídolo Jesus. Preferem as mentiras do Livro de Hebreus (Hebreus 9:10-15; 10:1-4).
Os ministros de Roma não sabem explicar a presença do Sacerdócio Levítico com Holocaustos e sacrifícios no 3º HaMikdash (3º Templo), mas mesmo assim, preferem ficar com o falso sacerdócio de:“...segundo a Ordem de Melki-Tsedek”. Ele diz ainda, que Jesus foi“proclamado por D-us Sumo Sacerdote segundo a ordem de Melki-Tsedek” (Hebreus 5:10).
Referindo a Melki-Tsedek, o autor de Hebreus reconhece que é“alguém do qual se atesta que VIVE” (Hebreus 7:8).
Em Hebreus afirma ainda que Melki-Tsedek aparece “sem pai, sem mãe, sem genealogia, não tendo princípio de seus dias, nem fim de sua vida, mas é assemelhado ao Filho de D-us, permanece sacerdote para todo o sempre” (Hebreus 7:3).
Não existe, como se costuma dizer popularmente, o crime perfeito, e aqui o autor de Hebreus cometeu uma falha no seu intento ao comparar Melki-Tsedek ao "como dizem: Filho de D-us" e este certamente não é Jesus que por 64 vezes afirmou ser filho do homem (só não era filho de José!). Talvez os autores do Novo Testamento estejam querendo dizer que ser "filho do homem" significa ser "Filho de D-us", e se for assim, caem noutra contradição, pois Paulo diz que Jesus não era filho de Adão (I Coríntios 15:45; Romanos 5:14).
Se Melki-Tsedek, vive para sempre como Sumo Sacerdote, como ele poderia fazer transferência da sua dignidade para Jesus? É muita pretensão do engodo de Roma.
Roma nada sabe sobre o Mistério que envolve a Sagrada Ordem de Melki-Tsedek, e se mete a tecer palavrórios sobre o que não sabe, e, pior, sobre um assunto em que não se deve meter.


Reflexão Judaica sobre

MELCHIZEDEK (="king of righteousness"):


King of Salem and priest of the Most High in the time of Abraham. He brought out bread and wine, blessed Abram, and received tithes from him (Gen. xiv. 18-20). Reference is made to him in Ps. cx. 4, where the victorious ruler is declared to be "priest forever after the order of Melchizedek." The story is neither an invention nor the product of a copyist's error, as Cheyne ("Encyc. Bibl.") thinks, but rests upon ancient Jerusalemic tradition (as Josephus, "B. J." vi. 10, affirms; comp. Gunkel, "Genesis," 1901, p. 261), "Zedek" being an ancient name of Jerusalem (probably connected with the Phenician Συδνκ = "Zedek" = "Jupiter"; comp. Shab. 156a, b; Gen. R. xliii.; Pesiḳ. R. 20; see Baudissin, "Studien zur Semitischen Religionsgesch." 1876, i. 14-15). Hence "'ir ha-ẓedeḳ" (Isa. i. 21, 26), "neweh ẓedeḳ" (Jer. xxxi. 23, l. 7), "sha'are ẓedeḳ" (Ps. cxviii. 19). The city's first king, accordingly, was known either as "Adoni Zedek" (Josh. x. 1 et seq. ; comp. Judges i. 5-7, where "Adonizedek" is the correct reading) or as "Malkizedek." The fact that he united the royal with the priestly dignity, like all ancient (heathen) kings, made him a welcome type to the composer of the triumphal song (Ps. cx.).
Type of Ancient Monotheism.But to the Jewish propagandists of Alexandria, who were eager to win proselytes for Judaism without submitting them to the rite of circumcision, Melchizedek appealed with especial force as a type of the monotheist of the pre-Abrahamic time or of non-Jewish race, like Enoch. Like Enoch, too, he was apotheosized. He was placed in the same category with Elijah, the Messiah ben Joseph, and the Messiah ben David (Suk. 52b, where "Kohenẓedek" should be corrected to "Malkiẓedeḳ"). The singular feature of supernatural origin is ascribed to all four, in that they are described as being "without father and without mother, without descent, having neither beginning of days nor end of life, but made like unto the son of God abiding forever" (Heb. vii 2-3; comp. Ruth. R. v. 3, where the original text [see "Pugio Fidei," p. 125] referred also to Ps. cx. 4, Isa. liii. 2, and Zech. vi. 12, comp. Yalḳ., Reubeni Bereshit, 9d; Epiphanius, "Hæresis," lv. 3). According to Midr. Teh. to Ps. xxxvii., Abraham learned the practise of charity from Melchizedek. Philo speaks of him as "the logos, the priest whose inheritance is the true God" ("De Allegoriis Legum," iii. 26).
The Samaritans identified the city of Salem with their sanctuary on Mount Gerizim (see LXX., Gen. xxxiii. 18; comp. Eusebius, "Præparatio Evangelica," ix. 17).
The Melchizedekites.The rabbis of later generations, rather antagonistic to the cosmopolitan monotheism of Alexandria, identified Melchizedek with Shem, the ancestor of Abraham (Ned. 32b; Pirḳe R. El. xxiii.; Targ. to Gen. xiv. 4). A singular story is told of Melchizedek in the Ethiopian Book of Adam and Eve, which, before it was turned into a Christian work, seems to have presented a strange combination of Jewish and Egyptian elements emanating from a sect afterward known as the Melchizedekites. There (iii. 13-21) Noah tells his son Shem before his death to take "Melchizedek, the son of Canaan, whom God had chosen from all generations of men, and to stand by the dead body of Adam after it had been brought from the ark to Jerusalem as the center of the earth and fulfil the ministry before God." The angel Michael then took away Melchizedek, when fifteen years of age, from his father, and, after having anointed him as priest, brought him to (Jerusalem) the center of the earth, telling his father to share the mystery only with Shem, the son of Noah, while the Holy Spirit, speaking out of the ark when the body of Adam was hidden, greeted Melchizedek as "the first-created of God." Shem went, carrying bread and wine, and, assisted by the angel, brought the body of Adam to its destination. Melchizedek offered the bread and wine upon the altar they built near the place where Adam's body was deposited, and then Shem departed, leaving the pure lad in his garment of skins under the sole protection of the angel, no one on earth knowing of his whereabouts until, at last, Abraham met him. Compare also "Die Schatzhöhle" (Bezold's transl. 1883, pp. 26-28), where the father of Melchizedek is called "Malki" and the mother "YoẒedeḳ"; and see the notes to Malan's "Book of Adam and Eve" (1882, pp. 237-238). Against the opinion of Roensch (Das Buch der Jubiläen," 1874, p. 502), that the story of Melchizedek has been intentionally omitted from the Book of Jubilees, see Charles in his Commentary to Jubilees (xiii. 25). A remnant, probably, of these Melchizedekites appears in early Christian literature as a heretic sect which regarded Melchizedek as a great heavenly power and as a son of God, superior to Jesus (Epiphanius," Hæresis," lv. 1-9; Hippolytus, "Refutatio Hæresium," vii. 36, x. 20; pseudo-Tertullian, 48; Augustinus, "De Hæresibus," 34; see also Herzog-Hauck, "Real-Encyc." s.v. "Monarchianismus").
Bibliography:
O tema central do Livro de Hebreus é tentar provar para os Yehudim (Judeus) que Jesus é um deus. Isto se nota logo no primeiro capítulo onde o autor diz ser ordenado aos anjos de Deus que adorem Jesus (Hebreus 1:6). O autor de Hebreus faz isto como se estivesse citando a Tanach. De onde ele tirou esta idéia? Pretende ele que os anjos do Eterno se transformem em idólatras? Roma não se contenta em enganar os seres humanos e pretende enganar os anjos! É muito significativo o fato de o Papa usar uma tríplice coroa. Significa que ele tem a pretensão de ser rei do céu, da terra e do inferno! Isto parece uma cômica piada, mas Roma realmente acredita nisto, ou seja, que o Papa tem poderes para excomungar os anjos e transformá-los em demônios e também converter demônios transformando-os em anjos! Jesus também acreditava que tinha poder no céu e na terra (Mateus 28:18). E Roma, com esta crença, domina o mundo com tirania juntamente com as suas filhas políticas e religiosas.
Diz ainda o autor de Hebreus: “Ao falar de uma nova aliança, tornou-se antiga a primeira; ora, o que fica antigo e envelhece está prestes a desaparecer” (Hebreus 813).

A Sagrada e Eterna Torah
O autor de Hebreus argumenta que o Sacerdócio Levítico foi abolido a fim de ser introduzido um outro sacerdócio com sangue de um sacrifício humano, de um homem. Para isto não hesita em fazer uma aplicação da profecia do Profeta Yirmeyahu com interpretação fraudulenta, a qual não se sustenta. Ele cita o texto do Profeta nos seguintes termos: “Eis , virão dias, diz o Eterno, nos quais Eu concluirei com a casa de Yehudah (Judá) uma aliança nova, não como a aliança que firmei com seus pais no dia em que os tomei pela mão, para fazê-los sair da terra do Egito. De vez que eles mesmos não mantiveram a minha aliança, eu também os desamparei, diz o Eterno. Pois eis a aliança pela qual me aliarei com a Casa de Israel: Após esses dias, diz o Eterno, ao dar minhas Leis, é na sua mente e no seu coração que as inscreverei. Tornar-me-ei seu Deus, eles se tornarão meu povo. Nenhum deles precisará mais ensinar uns aos outros, cada um a seu irmão, repetindo: ‘Aprendei a conhecer o Eterno’, pois todos, pequenos e grandes, me conhecerão – oráculo do Eterno. Eu perdôo o seu crime; não mais mencionarei sua falta”.Veja Yirmeyahu (Jeremias) 31:31-34; Hebreus 8:8-12.
Segundo a interpretação tendenciosa do autor de Hebreus, esta nova aliança seria a entronização do sacrifício humano e o sacerdócio de seu Ídolo Jesus. Destarte, com uma simples e sincera análise do texto do Profeta, veremos que se trata de uma profecia Messiânica a se cumprir nos dias da chegada do Verdadeiro Mashiach, com a restauração das DUAS CASAS; Israel e Yehudah. As Leis a serem escritas pelo Eterno nas mentes e corações do Seu povo, indubitavelmente não é o dito cujo “Sangue do Novo Testamento”,pois, como já vimos sobejamente em tópicos anteriores deste humilde trabalho, o sacrifício humano é a maior das abominações perante a face do Eterno e Suas Sagradas Leis. A Leis a serem escritas nas mentes e corações do povo de Israel é, naturalmente, a Torah. Com a Torah escrita na mente e no coração, ninguém mais tem necessidade de ensinar nada a seus irmãos, pois todos estarão com a Torah escrita nas mentes e corações.
Os ministros cristãos ensinam que a Torah foi abolida e substituída pela lei do amor. Pois bem, vejamos, se esta lei do amor que o cristianismo de Roma apresenta, fosse o cumprimento da profecia de Yirmeyahu conforme diz o autor de Hebreus, o mundo seria outro. Onde está o amor escrito nos corações dos cristãos? Durante mais de dois mil anos a pseudo “Civilização Cristã Ocidental” não fez outra coisa a não ser produzir guerra, racismo, destruição de povos inteiros, inquisição, cruzadas, escravidão e sacrificar homens, mulheres e crianças no altar sangrento do seu Ídolo. A religião de Roma é do “SACRIFÍCIO HUMANO”. ROMA é o anagrama do AMOR. A suposta “missão” dos “missionários” do cristianismo, fracassou espalmadamente. A “civilização Ocidental” é um fracasso. É assim que a Torah foi substituída pelo amor?
Quando a profecia do Santo Profeta de Israel se cumprir, ninguém precisará ensinar ninguém; os cristãos não fazem outra coisa a não ser pregar e ensinar; pregar de porta em porta; de cidade em cidade; de nação em nação; com ameaças, na melhor das hipóteses, com fogo do inferno. E cobram muito dinheiro pelo que fazem. Fazem tudo por força e por violência. Veja Zecharyah (Zacarias) 4:6. Esta é a tática de Roma, através dos tempos.
Diz ainda o autor do famigerado livro de Hebreus: “Porque, onde há testamento, é preciso que se verifique a morte do testador. Um testamento só se torna válido em caso de morte; não surte efeito enquanto o testador está vivo” (Hebreus 9:16-17).
O Eterno não fez nenhum testamento para o povo de Israel, até mesmo porque, o Eterno é a VIDA, e certamente que ninguém suponha que a VIDA venha a morrer. O Eterno fez ALIANÇA com Israel e ALIANÇA não é TESTAMENTO. Trata-se portanto de uma confusão ridícula, esta, de dizer que o testamento envelheceu e se acabou.
O testamento engendrado por Roma, sim, pode ter validade de testamento, já que o seu ídolo morreu. O deus de Roma morreu e a cada ano, na chamada “sexta-feira da paixão/quarta-feira da paixão”, comemora-se a sua morte fazendo procissões com o “senhor morto” pelas ruas das cidades! Eu não quero nada com um deus morto!
Quem sabe, talvez, o autor de Hebreus esteja querendo dizer que os animais dos holocaustos e sacrifícios é que tenham firmado um testamento com Israel!

A Torah da Vida
Paulo classificou a Torah de “ministério da morte” e disse que a Torah trazia cegueira aos judeus, por isto ele era ministro de um Novo Testamento (II Coríntios 3:6-16). Que barbaridade! No entanto, Pedro, em seu discurso, recorreu à Torah, tentando provar que Jesus era o Profeta semelhante a Moshêh (Moisés), que o Eterno disse que viria (Atos 3:22-23). A mesma coisa fez Estevão (Atos 7:37). Se a Torah é, como diz Paulo, o “ministério da morte”, porque então os cristãos a usam subsídio de suas pregações? Paulo ainda diz que a Torah não pode vivificar (dar vida) e nem trazer justiça (Gálatas 3:21).
Na sagrada Torah está dito: “Poquanto, observai as minhas Leis e os meus estatutos guardareis: os quais fazendo-os o homem, VIVERÁ POR ELES”. Veja Vaykrá (Levíticos) 18:5. No livro do Rei Shlomó (Salomão) está dito: “Filho meu, não te esqueças da minha Lei, e o teu coração guarda os meus Mandamentos. Eles aumentam-te os dias e anos da vida e também a paz. Árvore da Vida ela é para os que a abraçam e são felizes os que a retêm”. Veja Mishley (Provérbios) 3:1-2, 18.
Vemos que a Torah é “Ministério da Vida” Paulo foi longe demais ao dizer que a Torah é “ministério da morte”, não vivifica e não dá justiça. Ao dizer tal coisa Paulo não somente mentiu, como também cometeu uma grave blasfémia e afrontou o Eterno, D’us de Israel.
Quanto ao que disseram Pedro e Estevão em seus discursos sobre o Profeta semelhante a Moshê (Moisés), está dito na Torah: “O Eterno, teu D’us, te suscitará um profeta como eu, da tua nação, e dentre teus irmãos; ouví-lo-ás, como o pediste ao Eterno, teu D'us, em Horeb quando todo o povo estava junto, e disseste: 'Eu não ouvirei mais a voz do Eterno, meu D'us, nem tornarei a olhar este grandíssimo fogo, não quero morrer! Então o Eterno me disse: Eles fizeram bem em dizer isso. É um profeta como tú que suscitarei do meio dos teus irmãos; porei minhas palavras em sua boca, e ele lhes dirá tudo o que Eu lhe ordenar". Veja Devarim (Deuteronómio) 18:15-18.
Aqui temos algo muito sério a considerar, pois, de acordo com este texto da Torah, o Profeta Prometido não pode ser alguém diferente, maior ou mais importante do que Moshêh (Moisés), nem receber mais honra do que Moshêh.
O autor do livro de Hebreus atribui divindade a Jesus, o seu Ídolo, e por conseguinte, glória superior a Moshêh. Enquanto Mosheh era servo na sua casa, Jesus era como se fosse o próprio D’us (Hebreus 3:1-6). Isto é pura idolatria.
Sobre Moshêh está dito na Torah: “Nunca mais em Israel surgiu um profeta como Moshêh, a quem o Eterno aparecera face a face”. Veja Devarim (Deuteronómio) 34:10.
Está dito ainda: “O Eterno falava a Moshêh, face a face, como se fala de pessoa a pessoa”. Veja Shemot (Êxodo) 33:11.
E mais: “Ele disse: Ouvi, pois, as minhas palavras: se há entre vós um profeta, é numa visão que Eu, o Eterno, me dou a conhecer a ele; é num sonho que falo. Assim não se dá com o meu servo Moshêh, ele que é meu homem de confiança para toda a minha Casa: falo-lhe de viva voz – deixando-me ver – e não em linguagem cifrada; ele vê a forma do Eterno”. Veja Bamidbar (Números) 12:6-8. Esta citação é da Tradução Ecuménica –TEB.
Vejo por bem consultar em várias traduções, a última parte do texto citado: “ELE VÊ A FORMA DO ETERNO”.Na tradução da Vulgata, do Pe. Matos Soares, diz: “E ele VÊ O ETERNO CLARAMENTE E NÃO SOB ENIGMAS E FIGURAS”.Na Bíblia – Mensagem de Deus, traduzida por uma comissão de Padres Jesuítas, da Edições Loyola, diz: “É A IMAGEM DO ETERNO QUE ELE VÊ”.
Na tradução Almeida Corrigida diz: “ELE VÊ A SEMELHANÇA DO ETERNO”.
Na tradução Almeida Atualizada diz: “ELE VÊ A FORMA DO ETERNO”.
Em todas as traduções, onde aparece grafado ‘SENHOR’ ou ‘JAVÉ’, eu tomo a liberdade de transcrever ‘ETERNO’, por uma questão de consciência e em razão de minhas convicções íntimas; assim eu faço em todas as citações das Escrituras, no decorrer de todo o meu trabalho.
Consideremos agora o mesmo texto acima na Tradução da TORAH, do Rabino Meir Matzliah Melamed, onde está dito: ‘A GLÓRIA DO ETERNO CONTEMPLARÁ”. 

A Tanach, traduzida em Português e editada
pela Editora SÊFER
Portanto, caro leitor, está claro que o relacionamento do Eterno com Mosheh, estava revestido de um altíssimo grau de intimidade espiritual e muito transcendental. Realmente nunca houve, um profeta como Mosheh (Moisés), com um relacionamento muito íntimo com o Eterno. O Profeta Prometido, de acordo com a Torah, deve ser igual a Mosheh, nunca superior e nem com maior glória.
O Prof. Evilásio Araújo, comentando sobre o Novo Testamento, diz:“Neste sentido, o 'Novo Testamento' é uma farsa que, sem dar-se conta do alcance e do tempo específico do cumprimento das profecias, apresenta divagações em que se confundem contradições e sofismas diversos”. As Contradições do Novo Testamento, pág. 20.
NOVO-TESTAMENTO-CONFUSOES 
 [Errata: algures menciona-se Gálatas 2,16 quando na realidade é Gálatas 3: 13 »
Gl 3.13       Cristo nos resgatou da maldição da Lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendu­rado no madeiro]
Como o amigo leitor pode ver claramente, o Novo Testamento, em umas partes, nega completamente a Torah e a considera pior que lixo; em outras partes utiliza a Torah com aplicações fraudulentas e interpretações tendenciosas. É a tática de Roma.
Há pessoas, algumas até bem intencionadas, que dizem: “se Jesus não é Messias, muito menos uma divindade, deve pelo menos ser considerado profeta”. Sobre isto eu faço minhas as palavras do Prof. Dr. Evilásio Araújo, da Sinagoga Beit Israel, uma comunidade Sefaradita de Brasília-DF., que diz: "Quando uma pessoa que se diz ‘judeu messiânico’, ou seja, um pretenso ‘judeu cristão’, vai rezar no ‘Muro das Lamentações’ sente um terrível impacto: Há um Muro (Kotel), que subsiste há muitos séculos de História. Segundo a fé Judaica, essa grande Parede de pedras dá testemunho de que continuamos eperando o nosso Mashiach, como está escrito: ‘O meu Amado é semelhante ao gamo ou ao filho da gazela; Ele está detrás da nossa Parede, olhando pelas janelas, espreitando pelas frestas’ (Shir HaShirim, ou Cântico dos Cânticos 2:9). Ora, a própria continuidade da grande Parede do Kotel – o lugar mais sagrado do Judaísmo – até os nossos dias é um forte Testemunho da veracidade da Palavra do Eterno. Mas, ao mesmo tempo, suscita, para os cristãos e ‘judeus messiânicos’, uma triste lembrança – Jesus mentira, quando profetizou: 'Em verdade vos digo que não ficará pedra sobre pedra que não seja derribada’ (Mateus 24:2). As pedras do Kotel HaMaaravi continuam umas sobre as outras. A profecia de Jesus falhou espalmadamente”. Do livreto: As Contradições do Novo Testamento, da Sinagoga Beit Israel, pág. 30-31.
Veja bem, o caro leitor, que Jesus está desqualificado até como profeta! Messias? Nem pensar! Na verdade, nem como personagem histórico! A história não fala absolutamente nada sobre ele.
Quanto ao haver profetizado em falso, na Torah está dito: “Mas se o profeta tiver a presunção de dizer em meu nome uma palavra que eu não lhe ordenei a dizer, ou se ele falar em nome de outros deuses, será morto. Talvez te perguntes: Como reconheceremos que não é uma palavra proferida pelo Eterno? Se o que o profeta disser em nome do Eterno não se realizar, não acontecer, então não será um palavra dita pelo Eterno. Por presunção é que o profeta a proferiu. Não deves temê-lo” Veja Devarim (Deuteronómio) 18: 20-22.
Portanto, a Torah condena à pena de morte o falso profeta. Como fica esse Jesus, que profetizou "não ficar pedra sobre pedra no Templo, diante do Tribunal instituído ela Torah"? O que teria a dizer em sua defesa? O que os cristãos teriam a dizer diante de um Tribunal, sobre o Novo Testamento, sem se auto-condenarem ainda mais?
Jesus é uma invencionice de Roma, e o mundo todo acreditou. É um mito fictício.
Muito teríamos a falar em um confronto do Novo Testamento com a Tanach; daria um volumoso livro, porém me atenho em uns poucos aspectos deste confronto, os quais eu nem mesmo poderia dizer que são mais relevantes; para não estender muito o assunto.
Na verdade, estou consciente de que não é fácil remover a idolatria do “Novo Testamento” entrenhado não só na mente como uma lavagem cerebral, mas no sangue e no próprio DNA.
Entre tantos deboches e mentiras existentes, vejamos um caso que apresenta Jesus se arvorando na qualidade de “um juiz de muita autoridade”, condenando a nação de Israel por um crime cuja acusação é improcedente.
Diz o autor de Mateus: “Para que recaia sobre vós todo o sangue dos justos derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até o sangue de ZACARIAS, FILHO DE BARAQUIAS, que vós assassinastes entre o santuário e o altar” (Mateus 23:35).
Na Tanach está dito: “O Espírito do Eterno, pois, revestiu Zecharyah, filho do sacerdote Yehoiadah, que se levantou perante o povo e lhes disse: Assim fala o Eterno: Por que violais os preceitos do Eterno, para Ele também vos abandonar? Eles, congregando-se contra ele, apedrejaram-no no átrio da Casa do Eterno, conforme a ordem do rei. O rei Yoash esqueceu-se da benevolência que Yehoiadah lhe havia testemunhado, e matou seu filho que ao morrer, exclamou: Que o Eterno veja e peça contas!”. Veja Dirvrey Hayamim Beit (II Crónicas) 24:20-22.
Isto mostra a dimensão da ignorância dos autores d Novo Testamento com respeito às Escrituras Hebraicas. Mateus não sabia que o Profeta Zacarias, filho de Baraquias, é o autor do Livro de Zacarias, e que o Profeta Zacarias, morto no átrio do Templo era outra pessoa e tinha por pai o sacerdote Yehoiadah. Quem se equivocou, Jesus, ou Mateus? Em uma obra literária comum, um equívoco como este, muito embora merecendo severas críticas, seria até compreensível. Mas em se tratando de um livro acreditado pela humanidade quase toda como "palavra divina", um tal engano é gravíssimo. Onde está o Espírito Santo nisto? Esta confusão de Mateus desmerece o livro como inspirado. É pura fraude de Roma que não serve nem como livro histórico. É verdadeiramente um deboche ridículo.
A Teologia da Substituição
“O deboche atinge o auge”, - afirma o Prof. Evilásio Araújo –“quando Israel é simplesmente substituído pelos gentios, como se todos os juramentos Divinos, feitos aos nossos antepassados, fossem promessas passíveis de alteração”. Do livreto As Contradições do Novo Testamento, pág. 34.
O Novo Testamento, engendrado por Roma, foi preparado com a clara intenção de alicerçar, fomentar e alimentar o anti-semitismo que gerou a perseguição e mortandade de judeus durante os últimos dois mil anos em que Roma e as suas filhas vem reinando com soberania tirânica.
O autor de Mateus escreve que Jesus, falando dos judeus, afirma:“Por isso eu vos digo: O Reino de D-us vos será tirado, e será dado a uma nação (Roma) que o fará produzir frutos” (Mateus 21:43).
E Roma, que se arvorou arbitrariamente em depositária das Promessas Divinas a Israel, produziu realmente os seus frutos: cruzadas, inquisição, pogrons, escravidão, destruição de nações indígenas inteiras e destruição do Planeta. Basta sair às ruas para ver os frutos do total fracasso desta coisa que Roma e as suas Filhas convencionaram chamar de “civilização”. Todos tem medo de todos e ninguém confia em ninguém.
Depois da criação, em 14 de maio de 1948, de Medinat Yisrael (no Calendário Judaico: dia 5 do mês de Yiar do ano 5.708 é o Yom Hatzmaút, dia da Independência de Israel), algumas igrejas, especialmente as neo-pentecostais, assumiram a posição de um filo-semitismo mais brando e consequentemente mais hipócrita. Este filo-semitismo escatológico reconhece o Estado de Israel; e reconhece o cumprimento das profecias com o Israel carnal, literal, e não com o espiritual. Mas, esta escatologia (ramo da teologia, que estuda os últimos acontecimentos) gera um estado de “hipocrisia” que na prática, se torna de certa forma, pior que o semitismo declarado, pois engana as pessoas com uma falsa manifestação de amor. Assim, muitos judeus não praticantes da Torah, incautos, são enredados em movimentos do tipo “judeus para Jesus” ou “judeus messiânicos”.
É comum um judeu ser abordado por um cristão do tipo pentecostal que, batendo hipocritamente no seu ombro, diz: “Que maravilha! Oh Glória a Deus! Aleluia! Eu amo Israel! o POVO ESCOLHIDO de Deus” “E..., depois de toda esta bajulação hipócrita, vira para o judeu e lhe pergunta: Você já aceitou Jesus?” E...,diante da resposta óbvia que ‘NÃO’, O Pregador lhe diz: “Então você está perdido’! Hipócrita, não acabou de dizer, usando o nome de D-us, que Israel é o povo ESCOLHIDO?.
E isto não poderia ser diferente, uma vez que é o Novo Testamento que contém o fermento do anti-judaísmo cristão e o consequente anti-semitismo europeu. Conforme vimos no texto de Mateus 21:43, citado acima, onde diz que Jesus tirou o Reino de Israel e deu à Roma, e, como este, existem diversos textos que, inclusive, envia pessoas à matar judeus.
Em Mateus diz: “Ora, eu vos digo, muitos virão do Oriente e do Ocidente tomar lugar no festim com Avraham, Yitzchak e Yaacov no reino dos céus, ao passo que os herdeiros do Reino serão lançados nas Trevas, lá fora, onde haverá choro e ranger de dentes” (Mateus 8:11-12).
Em Lucas diz: “Haverá choros e ranger de dentes, quando virdes Avraham, Yitzchak e Yaacov, bem como todos os Profetas, no Reino de Deus, e vós lançados fora. Então, virá gente do Oriente e do Ocidente, do Norte e do Sul, para tomar lugar no festim, no Reino de Deus” (Lucas 13:28-29).
Convido o leitor à refletir segundo o seguinte raciocínio: Seria possível alguém com a consciência saudável, conceber a idéia de o Eterno prometer à Avraham uma descendência tão numerosa como as estrelas do céu, que não pode se contar, e depois lhe apresentar, no mundo vindouro uma nação adotiva, bastarda? Veja Bereshit (Génesis) 15:5.
A profecia diz a respeito de Israel: “Mas agora, assim fala o Eterno que te criou, Yaacov, que te formou, Israel: Não tenhas medo, pois Eu te resgatei, te chamei pelo teu nome, tu és meu. Não temas, pois Eu estou contigo; desde o levante Eu farei a tua descendência voltar, desde o poente eu te congregarei. Ao norte Eu direi: Dá, e ao sul: Não segures! Faze meus filhos voltarem de longe, e as minhas filhas da extremidade da terra”. Veja Yishayahu (Isaías) 43:1, 5-7.
Está dito ainda: “Ei-los que chegam de longe, uns do oeste e do norte, outros da terra de Assuan”. Veja Yishayahu (Isaías) 49:12.
A igreja deseja usufruir as promessas do Eterno ao seu povo Israel, mas acredita, paradoxalmente que a sua herança é no "CÉUS" (I Tessalonicenses 4:16-17; João 14:2-3). Nenhum teólogo cristão sabe, no entanto, definir o que se entende por "CÉU", se é outra dimensão ou outro planeta, ou, talvez, um buraco negro no espaço! As Trevas Exteriores, que é para onde conduz, a prática da idolatria, sem dúvida alguma.
Quanto a Israel, diz o Eterno, que "mesmo que os vossos exilados estejam nas extremidades do 'céu', de lá Eu os congregarei e os farei vir ao lugar que escolhi para fazer habitar o meu Nome”. Veja Nechmeyah (Neemias) 1:9.
Está dito na Torah: “Mesmo se tiveres sido desterrados para a extremidade do 'CÉU', desde ali te ajuntará o Eterno, teu D-us, e te tomará dali. E o Eterno, teu D-us, te trará à Terra que os teus pais possuíram, e a possuirás; e te fará bem e te multiplicará mais do que a teus pais” Veja Devarim (Deuteronómio) 30:4-5.
Portanto, fica bem claro e evidente que o cristianismo NÃO É SUBSTITUTO DE ISRAEL nas profecias de Restauração.AS TREVAS NO DIA DA SUPOSTA PAIXÃO DE JESUS
Quem conhece o profundo significado do Shabat (Sábado) para os judeus, e também, o significado dos dias das festas sagradas, como Sucot, Yom Kipur, Shavuot e Pêsach, deve perceber o quanto é estonteante a ideia de que um grupo de sacerdotes e oficiais do Beit HaMikdash (Templo) tenham saído em plena noite de Pêsach, armados de espadas e porretes de madeira para efetuarem a prisão de Jesus (Lucas 22:52).
Tanta movimentação num dia de Festa é simplesmente um contra-senso a comprovar que o Novo Testamento é invencionice de Roma. Coisa feita com intenção de apresentar Jesus como "cordeiro pascal" oferecido em "sacrifício" num dia de Pêsach. Que profanidade bárbara!
Mais estonteante ainda é o uso desautorizado das Escrituras Hebraicas dos Profetas de Israel para tentar dar autenticidade a um sacrifício humano idolátrico.
Em Mateus diz: "E, desde a hora sexta, houve trevas sobre toda a terra, até à hora nona" (Mateus 27:45).
A mesma coisa se repete em Marcos 15:33 e Lucas 23:44.
Tertuliano, Bispo de Cartago, na África Romana, interpreta esta escuridão ao meio-dia como cumprimento da profecia do Profeta Amós, nos seguintes termos: “Pois aquilo que aconteceu na Sua Paixão, aquele meio dia escuro, o profeta Amós anuncia dizendo: 'Naquele dia, disse o Eterno D'us, farei o sol se pôr ao meio-dia e escurecerei a terra em plena luz do dia. Transformarei seus banquetes em prantos, e todas as suas canções em lamentos; porei farrapos sobre todos os lombos, e a nudez sobre todas as cabeças; Eu o farei como o lamento por um filho único, e o final será como um dia amargo” (Amós 8:9-10). Pois assim faríeis no início do primeiro mês de vossos novos (anos) como igualmente Moisés profetizou, quando vaticinou que toda a comunidade dos filhos de Israel deveria, à noite, imolar um cordeiro, e deveria comer este solene sacrifício deste dia (ou seja, do Pessah do Senhor, do pão ázimo) 'com amargor', e acrescentou que 'é o Pessah do Senhor' em Êxodo 12:1-11: ‘O Senhor disse a Moisés e a Aarão na terra do Egito: Este mês deve marcar, para vós, o início dos meses; deve ser o primeiro mês do vosso ano. Dizei a toda a congregação de Israel que... deverão levar um cordeiro naquela noite com o pão ázimo e ervas amargas... É a Páscoa do Senhor), ou seja, a Paixão de Cristo. Que a profecia foi, assim, cumprida também, que ‘no primeiro dia do pão ázimo’ matastes o Cristo, e (que as profecias podiam ser cumpridas) o dia apressou-se em fazer uma noite, ou seja, a causar a escuridão, que foi feita ao meio dia; e assim (em Amós 8:10a) seus banquetes, Deus transformou em prantos, e suas canções em lamentos. Pois após a Paixão de Cristo sofrestes igual escravidão e dispersão, profetizadas antes pelo Espírito Santo”. Citação de Na Answer to the Jews 10; Robert et al. 3.167.
O leitor, porventura sente-se zonzo e está boquiaberto, com tal exegese teológica especializada? Esta é a especialidade de Roma! O que, segundo a interpretação cristã, parecia ser uma profecia da Paixão, continua parecendo, especialmente depois de uma tal montagem, feita por Roma, transformando a profecia numa narrativa da Paixão, enganando assim as multidões populares, uma vez que a exegese é para especialistas.
Acontece que o tal exegeta, Tertuliano, confundiu-se todo com as datas dos fatos, e colocou a dispersão dos judeus na mesma data da suposta Paixão, que de acordo com o Calendário Romano, foi no ano 37 (mais ou menos) da era comum. A diáspora dos judeus iniciou-se com a destruição de Yerushalayim (Jerusalém) pela mesma Roma, no ano 70 da era comum.
Quanto ao badalado dia escuro, não aconteceu, nem na suposta Paixão, nem tão pouco na destruição de Yerushalayim. Se tal fato houvesse acontecido, seria, sem dúvida alguma, um acontecimento inusitado e inédito na história mundial e no entanto, não existe nenhum registo histórico sobre isto, a não ser o do famigerado Novo Testamento. A narrativa do Novo Testamento, se trata de profecia historicizada e nunca, de história relembrada. É Roma procurando nos Profetas de Israel, subsídios para “criar” acontecimentos como cumprimento de profecias. É pura fraude.
Quanto à profecia de Amós, se refere ao Reino das 10 tribos do Norte (Efraim), que foi levado cativo para a Assíria e depois perdeu a sua identidade entre as nações. O mesmo Amós profetisa sobre o resgate de Israel no tempo de HaMashiach. Diz o profeta que Israel dominará o resto de Edon (Roma). Veja Amós 9:12, 14-15.
O D-us da Tanach e o deus do Novo Testamento.
Que o deus do Novo Testamento NÃO É O ETERNO, D-US DE AVRAHAM, DE YITZCHAK DE YAACOV, O D-US DE ISRAEL, evidencia-se pelo fato de, através dos tempos, especialmente na Idade Média, os judeus serem sempre acusados de praticarem feitiçaria e terem pacto com o Demônio. Na época da Inquisição, os judeus que queriam celebrar o Kidush de Shabat (Ceia da noite de Sábado), tinham que sair fora da cidade, mormente para os bosques e florestas, a fim de escapar dos olhares de espiões dos inquisidores. Com frequência eram flagrados em meio à reza do Sidur, presos e conduzidos ao que se convencionou chamar “Tribunal do Santo Ofício”, e sem apelação eram condenados à serem queimados vivos. Os padres espalhavam entre o povo o boato de que nessas celebrações do Shabat os judeus adoravam o Demónio, que lhes aparecia na forma de um colossal bode que, como figura mística, ainda hoje, perdura na cultura popular, chamado de “Bode do Shabat”.
Existe até uma figura sintética pintada em um quadro pelo artista espanhol medieval Mendez, retratando o famoso Bode do Shabat, chamado popularmente de “Sabá”. No Brasil, a Editora Madras editou uma tradução do livro “Dogma e Ritual de Alta Magia” de Eliphas Levi, em cuja Capa retrata a tal figura sintética, em uma   edição do mesmo livro, publicada pela Editora Pensamento, aparece o Bode no interior do livro, com uma explicação concisa sobre o seu significado.
É assim que surgem os mitos. É assim que surge a idolatria. Ainda hoje se acredita que o Bode do Shabat é adorado nas Lojas Maçónicas. Nos terreiros de Umbanda ele recebeu o nome de Belzebú; é comum encontrar-se esculturas do Bode do Shabat nas lojas de artigos religiosos de Umbanda e Candomblé, onde qualquer pessoa pode comprar com o nome de Belzebú. Há muitas pessoas que o coloca no altar.
O leitor está pasmo? À partir de uma simples boataria levantada pelos Bispos, ministros de Roma, com a finalidade anti-judaica de levar judeus à fogueira da inquisição, na idade Média, cristalizou-se na cultura popular uma figura mitológica, através dos séculos, até chegar hoje em dia, aos altares do Culto Afro Brasileiro.
Foi assim, da mesmíssima forma, que ao longo de dois mil anos, surgiu a figura mitológica do Jesus, adorado nas igrejas, filhas de Roma. Este é o deus do Novo Testamento.
Milhões, foram assados na fogueiras, e outros tantos, para não terem o mesmo fim triste, foram forçados a se batizarem. Estes se transformaram nos assim chamados “cristãos novos”, também chamados pejorativamente “marranos”, em espanhol; em português, marrãos, que significa “porcos”.
Os marranos, mesmo batizados, eram vigiados constantemente, e por qualquer “coisinha” eram levados a fogueira. Eram obrigados a usar uma indumentária especial (ex.amarelo) para serem assim, “melhor vigiados”.
Foi por esta época que estava acontecendo a colonização das Américas, por espanhóis e portugueses. Milhares de marranos viram aí, a oportunidade de mudar de “ares” e vieram para o Brasil. Calcula-se, hoje, em 75 milhões, os descendentes de marranos entre a população brasileira, sendo em grande parte no nordeste.
Ansiamos com todas as forças de nossa alma o dia que chegue HaMashiach (O Messias), para colocar tudo nos devidos lugares. Como diz o Profeta: “Ele(HaMashiach) será Juiz entre numerosos povos, árbitro de nações poderosas, mesmo as distantes. Martelando suas espadas, delas farão relhas de arado; e de suas lanças, enxadas. Ninguém mais brandirá a espada, nação contra nação. Não mais aprenderão a guerrear. FICARÁ CADA QUAL SOB A SUA VINHA E A SUA FIGUEIRA, ninguém os perturbará. Pois a boca do Eterno de todo poder assim o falou”. (Veja Michah (Miquéias) 4:3-4.
Na era Messiânica as nações serão castigadas e destruídas; o povo, conduzido para os seus lugares: os judeus, farão Aliah; os negros trazidos a fôrça, de sua terra, como escravos, retornarão para sua terra de origem, e os índios verão suas nações restauradas. Será, enfim, a restauração de tudo e o Mundo terá Paz.
Roma, o inverso do AMOR, será castigada, juntamente com suas filhas políticas (as nações que representam Amalek), e as filhas religiosas (as igrejas, todas), juntamente também com seu ídolo máximo, Jesus, o qual incorpora em si todos os ídolos que existem ou que já existiram no Planeta. Ídolo que é o deus do Novo Testamento.
Neste nosso confronto do Novo Testamento com a Tanach chegamos agora ao ponto crucial: desmascarar o seu deus.
Ao visitar as pessoas online, eu as procuro orientar na busca do equilíbrio consigo mesmas, com a Mãe Natureza e com o Pai/Mãe Céu – o Universo. Numa destas visitas, estive com uma cristã fundamentalista, no Facebook, e, no diálogo que entabulamos, ela, uma cristã evangélica, passou a pregar Jesus para mim. Quando eu lhe disse que não creio nele e que estou à espera da chegada do verdadeiro Mashiach para estabelecer a Justiça e a Paz no Mundo, ela disse-me que o Mashiach que espero é Satanás.
É assim que os cristãos, filhos de Roma encaram o Eterno, o D-us de Israel, e o Seu HaMashiach. Os Judeus e os Xamãs, em todos os tempos de supremacia do cristianismo, sempre foram acusados de terem pacto com o Demónio. Eram assados nas fogueiras da Santa Inquisição católica e reformada (protestante).
Paulo considerou a Torah (Lei Judaica) como lixo, como “esterco” (merda). Veja Filipenses 3:7-8.
Os marcionistas, uma seita gnóstica dos primeiros séculos da Era Comum, procuravam eliminar qualquer vestígio de herança judaica das suas crenças, considerando o D'us Judaico como um D'us fracassado. Estavam a serviço de outro deus: o do cristianismo.
Definitivamente, O MESSIAS (CRISTO) DOS CRISTÃOS NÃO É O MASHIACH DE ISRAEL. O Cristo dos cristãos é indubitavelmente anti-Mashiach, e HaMashiach é o anticristo. O Eterno D'us de Israel, no Novo Testamento é chamado de Satanás; e o Satanás da Tanach, no Novo Testamento se identifica com Jesus.
O Novo Testamento é, verdadeiramente uma INVERSÃO DE VALORES. O Novo Testamento é o PALÁCIO DE ROMA e o Cativeiro de Israel. É o SÓLIO DE BABILÓNIA.
No livro do Profeta Yechezkel (Ezequiel) tem a profecia da última grande guerra que haverá entre as nações, antes da Era Messiânica. Será a guerra de Juízo, na qual o Eterno castigará as nações poderosas da Terra que se ajuntarão em guerra contra Israel. Esta mesma guerra é, também profetizada pelos profetas Yoel e Zecharyah, mas é na profecia de Yiechezkel que esta guerra recebe um nome específico: “Gog e Magog”. Este nome é fundamental para que o leitor compreenda a minha linha de raciocínio ao demonstar que o deus do Novo Testamento é um deus estranho para Israel.
Está dito na profecia: “Veio-me a palavra do Eterno: Filho do homem, volta teu olhar para Gog, para a terra de Magog, grande príncipe de Meshek e Tubal; pronuncia um oráculo contra ele. Dirás: Assim fala o Eterno D'us: Tomo posição contra ti, Gog, grande príncipe de Meshek e Tubal, e te arrastarei, te porei ganchos nas mandíbulas, te farei sair com todo o teu exército; cavalos, cavaleiros soberbamente vestidos, vasta troa carregando escudo e broquel, todos manejando a espada... numerosos povos estarão contigo. Prepara-te bem, tu e toda a assembléia que reuniste junto a ti; serás a sua proteção. Há muitos dias, deveriam ter intervindo contra ti! Isto acontecerá no fim dos anos, numa terra que se recuperou da espada, reunidos dentre muitos povos e congregados sobre os montes de Israel, que por longo tempo estiveram em ruínas. Essa população foi retirada do meio dos povos e toda ela habitará em segurança. Subirás, chegarás como tempestade, serás como uma nuvem que cobre a terra, tu, todos os teus esquadrões e os numerosos povos que estão contigo. Assim fala o Eterno D'us: Nesse dia, numerosos projetos te subirão ao coração, exgogitarás um plano sinistro, dirás: Vou levantar-me contra uma terra sem defesa, chegarei a habitantes tranquilos, vivendo em segurança: todos eles habitam cidades sem muralhas, não tem ferrolhos nem portas. Virás para amontoar despejos, para pilhar e voltar tua mão contra ruínas repovoadas, contra um povo reunido dentre as nações, que se ocupa de seu rebanho e de seus haveres, e mora no umbigo da terra. Shebah, Dedan, os mercadores Tarshish e todos os seus leõesinhos te dirão: Foi para juntar despojos que viestes? Foi para pilhar, que reunistes tua assembléia? Para levar em tributo, prata e ouro, para tomar rebanho e haveres, para juntar grandes despojos? Por isso, pronuncia um oráculo, filho do homem; dirás a Gog: Assim fala o Eterno D'us: No dia em que meu povo de Israel morar em segurança, não terás conhecimento? Virás do teu lugar, do extremo norte, tu e numerosos povos contigo; todos montados em cavalos, formareis uma grande assembléia, um imenso exército.Te levantarás contra meu povo de Israel, a ponto de cobrir a terra como uma nuvem. Isto acontecerá no final dos dias. Eu te farei vir contra minha terra, a fim de que as nações me conheçam quando, sob seus olhos, ó Gog, terei mostrado às tuas custas minhas santidade. Assim fala o Eterno D'us: Foi de ti que falei nos tempos antigos através de meus servos, os Profetas de Israel, que pronunciaram oráculos naqueles dias – durante anos -, é a ti que eu enviarei contra eles. Naquele dia, no dia em que Gog chegar à terra de Israel – oráculo do Eterno D'us – tu me farás subir minha ira e o meu furor. Em meu ciúme, no fogo da minha fúria, digo: sim, naquele dia, haverá um grande terremoto sobre o solo de Israel.... Sobre todos os montes, chamarei a espada contra Gog – oráculo do Eterno D'us -; cada qual voltará a espada contra o irmão. Farei o julgamento contra ele pela peste e pelo sangue; farei chover sobre ele, sobre os seus esquadrões, e sobre os numerosos povos que estiverem com ele, uma chuva diluviana, pedras de granizo, fogo e enxofre. Mostrarei minha grandeza e minha santidade, dar-me-ei a conhecer aos olhos de numerosas nações. Então conhecerão que Eu Sou o Eterno.” Veja Yiechezkel (Ezequiel) 38:1-23.
Vemos neste texto do Profeta, o terrível castigo a ser ministrado pelo Eterno D'us de Israel às nações que serão congregadas contra o Seu povo. Quero, no entanto, destacar para o amado leitor, um detalhe importantíssimo, deste texto profético: É o Eterno, D'us de Israel, que congrega e reúne as nações para esta guerra. As nações, sob o comando de Gog, príncipe de Magog, serão obrigados a subir para a guerra. Está dito na profecia, que o Eterno os levará à força: “E TE ARRASTAREI, TE POREI GANCHOS NAS MANDÍBULAS, TE FAREI SAIR COM TODO O TEU EXÉRCITO...’ (verso 4). Irão todos contra a terra de Israel, e lá serão julgados e castigados Gog e toda a sua assembléia.
O Profeta Yoel (Joel), vaticinando sobre esta mesma guerra diz:“Sim, naqueles dias e naquele tempo, quando eu restaurar Yehudah e Yerushalayim (Judá e Jerusalém), REUNIREI todas as nações e as farei descer para o vale chamado 'O Eterno julga'. E lá moverei processo contra elas a respeito de Israel, meu povo e meu património: porque o dispersaram entre as nações e repartiram minha terra.” Veja Yoel (Joel) 3:1-2 (recomendo ao leitor, que leia todo o capítulo 3 de Yoel (Joel).
O Profeta Zecharyah também diz, sobre esta mesma guerra: “Eis que vem para o Eterno um dia, Yerushalayim, em que no teu seio se repartirão os despojos. REUNIREI todas as nações perto de Yerushalayim para travarem a batalha”. Veja Zacharyah (Zacarias) 14:1-2.
É de uma clareza meridiana, diante da leitura destes textos das profecias, o fato de que o ETERNO DEUS DE ISRAEL CONGREGA AS NAÇÕES PARA A GUERRA.
É de fundamental importância reprisar dois detalhes que se destacam nestas profecias que acabamos de ler:
1º) É o Eterno, o D-us de Israel, o Deus da Tanach, o Deus de Avraham, que CONGREGA AS NAÇÕES PARA A GUERRA. 2º) Na profecia de Yiechezkel (Ezequiel), a guerra tem um nome: "GOG e MAGOG". Com isto em mente, estamos habilitados para o confronto com o Novo Testamento e a sua profana inversão de valores.
Em Apocalipse diz “....Satanás.... sairá para seduzir as nações que estão nos quatro cantos da terra, GOG e MAGOG. ELE AS REUNIRÁ PARA O COMBATE: seu número é como a areia do mar. Eles invadiram toda a extensão da terra e investiram contra o acampamento dos santos e a cidade bem amada. Mas desceu fogo do céu e os devorou” (Apocalipse 20:7-9).
O leitor está pasmo e de cabelos arrepiados? Mas é isto mesmo que acabaste de ler! No Novo Testamento, o Eterno D'us de Israel, é CHAMADO DE SATANÁS. Isto não tem perdão.
Portanto, não é de admirar, que durante dois mil anos, os judeus vem sendo acusados de terem pacto com o demônio, perseguidos e mortos, assados vivos, até chegar ao auge no holocausto nazista.
Na profecia de Yiechezkel diz ainda que Gog será morto, juntamente com o seu numeroso exército, e serão todos sepultados em Israel, num lugar que será chamado: “Vale da Multidão de Gog”. “E a Casa de Israel os enterrará por sete meses, para purificar a terra” Veja Yiechezkel (Ezequiel) 39:11-12.
Isto acontecerá antes do Grande Shabat Milenar, ocasião em que se manifestará a chegada de HaMashiach (O Messias).
Em seguida, se iniciará a Era de Ouro Messiânica, com a reconstrução do 3º HaMikdash (3º Templo). Veja Yiechezkel (Ezequiel) capítulo 40 a 46.]
Agora, temos uma outra passagem das profecias dos santos Profetas de Israel, para considerar, que trata da identificação do deus do Novo Testamento.
Em Yishayahu está dito: “Como caíste do céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Foste precipitado por terra, tu que subjugavas as nações. E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, e, acima das estrelas do Eterno Deus, exaltarei o meu trono, e, no monte da congregação, me assentarei, no extremo norte. Subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo”. Veja Yishayahu (Isaías) 14: 12-14.
Qualquer pessoa cristã, de mediana cultura, e que seja conhecedor da Bíblia, que lê este texto, ou ouve a sua leitura, imediatamente se vira e diz, a respeito da estrela da mahã: “Este é Satanás”.
Vamos conferir, agora, em outra tradução: “Como caíste dos céus, ó Lúcifer Matutino? Como tombaste por terra, tu que dominavas as nações?” (Yishayahu Isaías 14:12, Tradução da Bíblia – Mensagem de Deus, da Edições Loyola).
Na vulgata Latina diz: “Lúcifer Matutinus”.
Vamos identificar, agora, no Novo Testamento, quem é a Estrela da Manhã: “Eu, Jesus... Eu sou... a resplandecente Estrela da Manhã” (Apocalipse 22:16).
O leitor amigo está perplexo? Com a cabeça girando e os olhos vitrificados ao acompanhar este último raciocínio? Agora já sabes a quem os cristãos estão adorando e cultuando: “Lúcifer”,
o dito cujo que chamam de Satanás e de que têm tanto mêdo, é a ele que adoram! Convido, destarte, o caro leitor, que me acompanhe no meu raciocínio, pois ainda temos munição de chumbo grosso. Avante, pois!
Na Bíblia TEB – Tradução Ecuménica, aparece uma nota de rodapé, alusiva a este texto de Yishayahu (Isaías) 14:12, que diz: “O nome do personagem interpelado (Helel ben Shahar, “Lúcifer” na Vulgata) vem de uma raiz que significa ser, luminoso, brilhante (em árabe, o hilal é a lua nova). O autor do poema refere-se com certeza a uma tradição mitológica: nos textos de Ugarit, o deus Attar (Vênus?), concorrente de Baal, sofreu uma queda semelhante à de Helel aqui, mas é difícil ver nos vv. 12-15 um simples decalque do mito cananeu. Ezequiel, em sua sátira contra o rei de Tiro (Ezequiel 28:2-12), faz alusão a um mito análogo. No mundo grego, conhece-se o mito de Faeton (o brilhante), filho de Eos (a aurora). O mito de seres celestes decaídos, parece portanto, ter sido amplamente conhecido no mundo mediterrâneo antigo, e a literatura judeu-helenística lhe dará novos desenvolvimentos”.
Complementando esta nota explicativa da TEB, quero citar outra nota de rodapé, alusiva ao mesmo texto, que aparece na Bíblia – Mensagem de Deus, da Edições Loyola. A referida nota diz textualmente o seguinte: “O hebraico comporta dois títulos divinos atestados em Ugarit: 'Heylel', que significa Estrela da Manhã, e ‘Ben-Chahar’ = filho da Aurora, sendo que este era também uma divindade. A Estrela da Manhã (Heylel) foi traduzida nos Setenta por 'phophorós', isto é: 'portador de luz'. Daí o decalque latino com o mesmo sentido, 'Lúcifer'. O Novo Testamento reservou esse conceito de 'Lúcifer Matutinus' (que é uma perfeita tradução de 'Haylel ben Chahar' de Isaías 14:12) ao Cristo Ressuscitado (Ap. 3:28; 22:16; 2Pd. 1:19; Lc. 1:78). O mesmo faz a Liturgia que, no 'Exultet' da vigília pascal, cantou durante séculos, inspirada em 2Pd. 1:19, desejando ardentemente que o 'Lúcifer Matutino nasça no coração de todos os cristãos, aquele Lúcifer que não conhece ocaso': ‘donec Lúcifer Matutinus exoriatur in cordibus vestris, Lúcifer ille qui nascit ocasum’. O mesmo se fazia na vida cotidiana: grandes homens tiveram esse nome, como o célebre bispo Lúcifer de Cagliari (Séc. IV). É grandemente lamentável que esse belo nome de Lúcifer tenha sido entregue ao diabo, que longe de ser ‘a luz verdadeira que ilumina todo o homem’ (Jb. 1:9) é, ao contrário, o ‘Príncipe das Trevas".
Fazendo uma ligação lógica entre estas duas notas, escritas pelos editores e comentaristas, na margem de Bíblias cristãs, fica imensamente claro que os cristãos SABEM E ESTÃO BEM CONSCIENTES DE QUEM ESTÃO CULTUANDO COMO DEIDADE. O comentarista da Bíblia – Mensagem de Deus, diz que “Lúcifer Matutinus" é uma tradução perfeita de “Heylel ben Chahar”.
E o comentarista da Bíblia TEB, diz que o Profeta no seu poema, refere-se às divindades cananéias e de outros povos.
O fato é, que, o Profeta Yishayahu está a referir-se no poema, ao rei de Babilónia, Veja Yishayahu (Isaías 14:4-23).
Nas Escrituras, Babilónia é símbolo de idolatria.
Vamos identificar, então, quem é o rei de Babilónia: Na Bíblia TEB encontramos uma nota de rodapé, explicativa sobre Apocalipse 14:8, que diz: “A partir do Exílio, Babilónia tornou-se a designação típica dos impérios opostos a D'us e a seu povo, e votados à maldição (cf. Is. 46:1-3; 47:1-15; Jr. 50:29-32; 51:44-48; Zc.5:5-11)”.
Portanto, Babilónia tipifica impérios, nações, que praticam a idolatria e são inimigas do Eterno. Mas, vamos adiante: Ainda na Bíblia TEB, encontramos a nota explicativa referente à Apocalipse 17, cujo texto fala da grande prostituta, cujo nome é Babilónia, a mãe de todas as prostitutas e de todas as abominações (verso 5), e está sentada sobre uma besta (verso 3) que tem sete cabeças as quais representam sete montes (verso 9). Na nota de rodapé, a TEB, que é uma Bíblia editada pela Edições Loyola, uma Editora Católica Romana, diz: "Trata-se provavelmente aqui da Roma Imperial, centro do paganismo idólatra e da potência perseguidora (verso 6). Assim se explica a sua descrição: estabelecida à beira das águas (verso 1) e montada numa besta com sete cabeças, que, segundo o verso 9, designam sete colinas – as sete colinas de Roma”.
É bizarro! Roma confessa que é a Grande Prostituta! Explico melhor: A Roma religiosa montou a cavalo na Roma Imperial, sentou no Trono de César, já que Constantino tinha-se mudado de lá.
Vimos então que Babilónia é Roma, e o rei é Lúcifer Matutino, a Estrela da Manhã, filha da Aurora, Jesus. O Papa está sentado no Trono, mas não é o titular do Trono. Ele é o Vigário, ou seja, o substituto. O título do Papa é: VICARVS FILLII DEI = VIGÁRIO DO FILHO DE DEUS. Se você perguntar ao Papa, quem é ele, ele responderá, que é o representante de Jesus. Portanto, Jesus é o titular do trono de Roma, e seu título é: IESVS CRISTVS FILLII DEI. É o rei de Babilônia, como vimos. Tanto o título do Papa, como substituto do rei, como o título de Jesus como rei, ambos, somadas as letras em algarismo romano dá 666. Sobre os mistérios deste número falarei em um tópico específico nesta obra.
O comentarista da Bíblia – Mensagem de Deus, diz que “Heylel ben Chahar”, numa tradução perfeita do Hebraico para Latim é: “Lúcifer Matutinus”, e a maioria das Bíblias rezam “Estrela da Manhã, Filho da Aurora, ou Filho da Alva”, refere-se a uma divindade. E o comentarista da Bíblia TEB, ajuda a esclarecer mais, dizendo que o Profeta Yishayahu referiu-se no seu poema, ao deus Attar, divindade concorrente de Baal.
O título “Halel ben Chahar” foi aplicado pelo Profeta ao rei de Babilónia, e isto tem um sentido profético muito profundo, já que o rei de Babilónia atribuía caráter divino a si mesmo. E, como já vimos, o termo Babilónia, na profecia, é aplicado à Roma, a grande opressora do povo de Israel, através dos tempos, e que subjuga as nações até hoje. O Imperador de Roma, muito mais que o rei de Babilónia, atribuía divindade à si próprio. Por isso o Profeta Yishayahu diz no seu poema oracular: “Entoarás esta canção sobre o rei de Babilônia: Oh! Terminou o opressor! A cidade dourada acabou! Terminou sua arrogância!... Como caíste do céu, ó Estrela da Manhã, Filha da Aurora (Lúcifer Matutinus, como vimos)! Foste precipitado por terra, tu que subjugavas as nações!” Yishayahu 14:4, 12.
Neste título dado na profecia ao rei de Babilónia (Roma como vimos), está sincretizado todos os deuses e todos os ídolos, de todas as nações em todos os tempos. E no Apocalipse, bem no final do Novo Testamento, Jesus diz "EU SOU’... A RESPLANDECENTE ESTRELA DA MANHÔ (Apocalipse 22:16). E, como já vimos acima, Jesus, o Lúcifer Matutino, é o rei, o titular do trono de César, ocupado interinamente pelo Papa (atualmente Bento XVI) até que Jesus volte de sua longa viagem à algum lugar “acima das estrelas de D-us”.
Esta profecia de Yishayahu (14:12-14), definitivamente, não fala de um Anjo expulso do céu, como é interpretado pelos ministros do cristianismo. Peço ao leitor que leia todo o capítulo 14 de Yishayahu (Isaías), e verá que é uma profecia a se cumprir no tempo da restauração de Israel na sua Terra (versos 1-3). Israel, depois de restaurado, e as nações poderosas terem sido castigadas na grande guerra de Gog e Magog, cantará esta canção (versos 4-23) de vitória, sobre a queda de Babilónia.
Neste poema-canção, do Profeta, está dito: “E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, e, acima das estrelas de Deus, exaltarei o meu trono, e, no monte da congregação, me assentarei, no extremo Norte. Subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo.” Yishayahu (Isaías) 14:13-14.
Jesus, de acordo com o que disse numa parábola, partiu para uma longa e remota viagem (Lucas 19:12), a fim de tomar posse de um reino, “acima das estrelas do Eterno”, nas bandas do “extremo Norte”, no céu, e prometeu voltar (João 14:1-3). Disse também que virá de forma extremamente ostensiva e sobrenatural, de tal forma que toda a população do planeta verá (Mateus 24:29-31; Marcos 13:26; Apocalipse 1:7).
Na verdade, as coisas não se passarão desta forma. Está dito na profecia: “E, contudo, levado serás ao Sheol, ao mais profundo abismo”. Veja Yishayahu (Isaías) 14:15.
É isto o que acontecerá à Estrela da Manhã, o Lúcifer Matutino, o deus do Novo Testamento, o ídolo de Roma e das nações idólatras: será levado ao mais profundo abismo. Jesus, cujo número é 666, cairá no abismo. O personagem mitológico do Novo Testamento, será destruído.

Sêfer Torah
O Novo Testamento, engendrado por Roma, com a finalidade de lançar desprezo e descrédito à Tanach, e principalmente à Torah, não resiste nem um leve confronto com a Tanach. Ele está programado para se auto-destruir, no devido tempo. O Apocalipse é o aguilhão que se volta contra o Novo Testamento, o fere e o mata. A senha para a auto-destruição do Novo Testamento e de Roma, é 666.

Maria Clara Bingemer já concedeu outras entrevista à IHU On-Line. Confira o material na página eletrônica do IHU (www.unisinos.br/ihu).
Entrevistas:
• Os jesuítas e a expansão da cultura moderna. Edição número 183, de 05-06-2006, intitulada Floresta de Araucária: uma teia ecológica complexa.
• “Igreja que deseja ser ouvida numa cultura pós-cristã precisa ter um testemunho forte, crível e consistente, que acompanhe o discurso”. Edição número 220, de 21-05-2007, intitulada O futuro da autonomia, uma sociedade de indivíduos?
• “O documento (de Aparecida) não tem o profetismo e o sopro libertador que caracterizou Medellin e Puebla”. Edição 224, de 20-07-2007, intitulada Os rumos da Igreja na América Latina a partir de Aparecida. Uma análise do Documento Final da V Conferência;
• Simone Weil: um pensamento que atinge a raiz das coisas. Edição número 243, de 12-11-2007, intitulada História em Quadrinhos;
• A literatura como um campo fértil de diálogo com a teologia. Edição número 251, de 17-03-2008, intitulada O belo e o verdadeiro. A tensa e mútua relação entre literatura e teologia.
• Lobato, formador de uma infância pensante e culta. Edição número 284, de 01/12-2008, intitulada Monteiro Lobato: interlocutor do mundo. CARTA AOS HEBREUS - UMA HERESIA?
Os festejos mais originais
Occupy Philadelphia
OccupyPhilly Occupy Philadelphia
Inspiring video montage of the Occupy Movement. Great video from Roger Waters released. fb.me/ESOuOUto
Foto del mensaje

conviteavalsa: Links Recomendadosconviteavalsa: Links Recomendados
OS MEUS LIVROS DE REFLEXÃO QUE EU ESCREVI COM ALGUMA (SIGNIFICATIVA) AJUDA:
















 conviteavalsa: Links RecomendadosGal 3:20Ora, um mediador é necessário se duas pessoas entram num acordo; mas D-us agiu por si próprio quando ele fez a sua promessa a Abraão.
   19Logo, para que é a Lei? Foi acrescentada por causa das transgressões, até que viesse o descendente a quem a promessa tinha sido feita; e foi ordenada por meio de Anjos, pela mão de um Mediador (Moisés).

HEMEROTECA

conviteavalsa: Links RecomendadosProtestant Churches in the Netherlands Proclaim that G-d doesn’t exist, Christ was just a man, and there is no life after death | Uncharted3 na Jordânia - Curto Circuito | Jornal Católico Culpa Satanás pela Atração Homossexual

Convite à Valsa
conviteavalsa Convite à Valsa (O Meu Twitter)
conviteavalsa: Links RecomendadosTradição ascética deprecia o sexo como a luxúria legalizada, e o casamento como prostituição legalizada. #Sexo #Casamento #Celibato
conviteavalsa: Links RecomendadosNovo podcast: 5.000 cordeiros sacrificados na festa muçulmana de Aid-el-Kebir, em Ceuta (Crónica de Ceuta): ... http://bit.ly/si7mvv 



retransmisión en directoÌNDICEretransmisión en directo retransmisión en directoDESTEretransmisión en directo retransmisión en directoBLOGUEretransmisión en directo






Entradas deste blogue:

I would kill to hang out with these guys!

»» 
conviteavalsa: Links RecomendadosblogID= Valentina Porcu
Vale19837 Valentina Porcu
Rubalcaba con corbata azul como Rajoy??? No me parece una gran elección... #debate7n
conviteavalsa: Links Recomendadosblogger.com » VEJA
VEJA VEJA
Romney tem vantagem sobre Cain e deve enfrentar Obamamigre.me/65Mta












NOTA INTRODUTÓRIA AO BLOGUE

POR MAGCALCAUVIN

Cheguei ao fim!!!





Gostaria de agradecer a atenção de  … [continua]

“NO QUE SE AMA, ESCREVEU AGOSTINHO, NUM PENSAMENTO CÉLEBRE QUE PASSARÁ À MAIS RECUADA POSTERIDADE, OU QUE NÃO SE SOFRE OU SE SOFRE; ESSE SOFRIMENTO É AMOR“.

Foto del mensaje

NESTE BLOGUE/LIVRO/MANUAL PARTICULARMENTE INSPIREI-ME NOS VERSOS DA ESTROFE XXVIII DO CÂNTICO ESPIRITUAL DO MÍSTICO CATÓLICO JOÃO DA CRUZ:

“A MINHA ALMA PÔS A SUA ACÇÃO,

E TODA A SUA RIQUEZA AO SEU DISPOR,

JÁ NÃO SOU A GUARDA DO REBANHO,

NO FUTURO, SÓ TENHO UMA OCUPAÇÃO,

A MINHA ÚNICA OCUPAÇÃO É O AMOR”.

O GRANDE DOUTOR MÍSTICO TAMBÉM ESCREVEU: “QUANDO A ALMA ATINGE UM CERTO GRAU DESTE AMOR SOLITÁRIO, SERIA DE GRANDE DANO, PARA ELA [...], QUERER, AINDA QUE FOSSE APENAS POR ALGUNS INSTANTES, OCUPÁ-LA EM NEGÓCIOS E OBRAS EXTERIORES, SEJAM DE QUE IMPORTÂNCIA FOREM. EM DEFINITIVO, NÓS SÓ FOMOS CRIADOS PARA ESTE AMOR. CERTOS ESPIRITUALISTAS DÃO PREFERÊNCIA À ACTIVIDADE E JULGAM PODER CONQUISTAR O MUNDO PELA PREGAÇÃO E OBRAS EXTERIORES.

POIS BEM, QUE PENSEM NISTO: PRESTARIAM MUITO MAIOR SERVIÇO À [SOCIEDADE, ÀS INSTITUIÇÕES, ÀS ONG'S], TORNAR-SE-IAM MUITO MAIS AGRADÁVEIS AO [HASHEM] SE EMPREGASSEM SÓ METADE DE TEMPO ASSIM GASTO, PARA SE CONSERVAREM EM ORAÇÃO DIANTE DE D-US. PORQUE ENTÃO, FARIAM MAIS E MELHOR COM MUITO MENOS TRABALHO, E FARIAM MAIS COM UMA ACÇÃO QUE COM MIL, GRAÇAS AO MERECIMENTO DA ORAÇÃO E ÀS FORÇAS ESPIRITUAIS QUE DELA DIMANAM. AGIR DOUTRO MODO É MALHAR EM FERRO FRIO, É FAZER POUCO MAIS DO QUE NADA, ÀS VEZES ABSOLUTAMENTE NADA, OU MESMO FAZER MAL. EXTERIORMENTE A ACTIVIDADE PARECE CONSEGUIR ALGUMA COISA, MAS EM SUBSTÂNCIA SERÁ UM NADA, VISTO COMO UMA OBRA SÓ É BOA COM A VIRTUDE DO ETERNO”.

POR ISSO ESTE BLOGUE SERÁ UMA SÓ ORAÇÃO: QUALQUER NOVA ENTRADA PERTINENTE PARA OS CALVINISTAS OU OUTROS CRENTES SERÁ INSERIDA OU NOS ARTIGOS/CATEGORIAS/PÁGINAS JÁ EXISTENTES. EM VEZ DE DISPERSAR VAMOS CENTRALIZAR PARA FACILITAR O ACESSO AO LEITOR. FIQUEM BEM. GRAÇA E PAZ.

[Continuação do supra] todas e todos e o amor em cada comentário e mensagem….
O blogue vai continuar no ar 
porém não atualizarei mais devido a alguns incómodos 

que seriam recebidos na alma débil por ser um blogue liberal cristão numa mescla com artigos ortodoxos e as consequentes insinuações maldosas de que confundo os crentes arminianos e os cristãos do Magistério Católico e Ortodoxo; e também porque também quero ler os meus posts…. Tudo isto (bem e mal) ocorreu para o meu bem; na verdade só fortaleceu a minha vontade de encerrar (temporariamente?) as minhas postagens…. Só peço que  façam bom uso do material postado sem deixar de dar os créditos. O que é um direito de todo o blogueiro sério….!!!!

Amei fazer parte desta família virtual!!!!

Posted 23 hours ago by 
Labels: FIM 
2011 - ANO DE PENTECOSTES! 2012 - ANO DIFÍCIL A ORIGEM DO MAL AMOR AOS INIMIGOS APARTHEID

Twitter

Mensagens populares

Número total de visualizações de página

A minha Lista de blogues

Twitter

A minha Lista de blogues

OS MEUS GAMES

http://olamha-batheworldtocome.tumblr.com/tagged/blogue-pessoal Quem Sou Eu? Sou judeu sefardita e… Sou católico, apostólico, romano/ortodoxo e monárquico (como Salvador Dalí, https://pt.wikipedia.org/wiki/O_Grande_Masturbador). Também, católico calvinista, florentino, renascentista, aristotélico-tomista e pessimista…. logo ateu/agnóstico/humanista. Acrescento, epicúrio e do Real Madrid e do Futebol Clube do Porto. Ecologista não fanático, vegetariano muitas vezes não praticante, flâneur infatigável, anarquista de direitas e de esquerdas (sinistras) e “frívolo”, mas não superficial.

Pesquisar neste blogue

A carregar...

A minha Lista de blogues

KSS As Favoritas

KSS: LINKS

  • literário calvinista inclusivo do arminiano MEDITAÇÕES SOBRE A VIDA PRIVADA E A MORTE Há 20 minutos
  • Magcalcauvin's Blog, Católico Reformado - Calvinista inclusivo A QUARESMA E O RISO Há 1 hora
  • This Black Sista's Page » Christmas Songs: “Merry Christmas, Baby,” Otis Redding, 1968 Saturday Night Music, March 19, 2011: Sting, “Sister Moon,” 1987 Há 3 horas
  • Últimas atividades em Uniao de Blogueiros Evangelicos Lu Rodrigues agora é amigo de Ana Paula Silva e wagner barros Há 4 horas
  • Urban Dictionary/Word of the Day pillow lust Há 8 horas
  • Actualité Musicale Adam et Eve... La seconde chance ! Há 19 horas
  • Eleitos de Deus Valorizando a Literatura Cristã Há 20 horas
  • Fim dos Tempos.Net-2012 Nsra: O propósito de Meu adversário é destruir a fé de todos, ele procura levar ruína e destruição a todos os lares que puder , Há 1 dia
  • adragononfire.com La parrilla de Telemadrid TV dedicará este sábado al Atlético de Madrid-Real Madrid más de diez horas (de 14:00 a 0O:00 LX). La programación especial comenzará a las 14:00 LX con Telenoticias 2 desde el Vicente Calderón Há 1 dia
  • Convite à Valsa Crucifixo nas escolas não viola direito à educação Há 1 dia
  • Convite à Valsa 2 ANTENA 3 TV E TELE MADRID | EU SOU UM DISSENTER Há 1 dia
  • MyHasbara's Blog » Frei Bento Domingues: O sofrimento dos cristãos e muçulmanos palestinianos Colonização judaica de uma área de 45000 Km2 no planalto de Benguela, Angola. Há 1 dia
  • A Tunisian Girl /بنيّة تونسية La Révolution Tunisienne S'invite au Salon du Livre de Paris Há 1 dia
  • iLeaks.com | Your Daily Music Fix. New Track: Britney Spears – Don’t Keep Me Waiting Há 1 dia
  • End of days » FIM DA ERA DE PEIXES OU DOS TEMPOS ESPECIAL JAPÃO Há 2 dias
  • JOb+ Eu quero um prof assim!!! Há 2 dias
  • Eliana Sá - Blog Misericórdia Gotas de Misericórdia Há 2 dias
  • Guardiã da Meia Noite Quick Bite Especial: Destaques da Editora iD Há 2 dias
  • La Catapulta El patético, inepto y anticatólico Carlos Berzosa Há 2 dias
  • GOOM Radio: Music News Rihanna is still mad at her father Há 3 dias
  • Jesus in Love Blog Rainbow cross lights the way for all Há 3 dias
  • Kehilah.Net Parashah – TZAV Há 4 dias
  • RHEMA DIZENTE - UM BLOG ANTINOMIANO E INCLUSIVO SAFISMO - PURA POESIAhttp://recantodasletras.uol.com.br/poesiaseroticas/1831199 Há 4 dias
  • PDS - PASTORAL DA DIVERSIDADE SEXUAL CAFÉ COM CINEMA Há 1 semana
  • oxysgenos news Maior sismo de sempre no Japão Há 1 semana
  • FERRaN BaRDOLET RIFà - Violoncel CONCIERTO BP Há 1 semana
  • gustavovidalmanzanares MALDICIONES JUDÍAS Y CRISTIANAS, EJEMPLO DE TOLERANCIA Há 1 semana
  • oxysgenos.com Kylie Minogue > All The Lovers (Video) Há 2 semanas
  • NOSSA ALMA O GUIA RAP ENTREVISTA O RAPPER "C.E.L.A" Há 2 semanas
  • Armando's Blog, Os Bailundos, O Evangelho, Angola kids playground 4 leisure and Education | ÌNDICE DESTE BLOGUE Há 2 semanas
  • NOTÍCIAS DE ISRAEL Há 3 semanas
  • TELECINCO - Página Jimdo de tocho1974 CINE--PELICULAS 1 actualizado Há 3 semanas
  • oxysgenos movies Singularity Há 4 semanas
  • Shalom Serra da Estrela em Israel Há 5 semanas
  • Entrepernas & Entrelinhas Furacão Há 2 meses
  • RicardoNetwork.com Britney Spears > Hold It Against Me Há 2 meses
  • A Rick Thing No Pants Day Há 2 meses
  • Ricardo Network Asia Tigarah > Girl Fight Há 2 meses
  • ..........................ABC ASL Animated Video Há 3 meses
  • Rumination Advent Há 3 meses
  • História, Doutrinas e Heresias das Religiões Por Que Aprender Sobre Outras Expressões de Fé? Há 3 meses
  • ANGLICANVM SCRIPTORIVM Há 6 meses
  • As Opiniões Desportivas de Miguel Sousa Tavares O FUTEBOL NÃO É ASSIM TÃO COMPLICADO (09 MARÇO 2010) Há um ano
  • Blogue de Martin Rivas Martín Rivas para Elle Há um ano
  • Os Mormons Acreditam Morôni Rolim Há 2 anos
  • VALORIZAÇÃO MORAL DE FILMES
  • Los 40 Principales Chile
  • Películas - CENSURA ECLESIAL
  • Los 40 - CHILE - Britney, 2011
  • KSS Hemeroteca

    KSS Etiquetas

    .ROD LAVER (1) "Spousal Mystery" (1) [Canal Livre] Jesus realmente existiu? (1) [TRU:]TV (4) #SpanishRevolution (5) 10 most dangerous toys this holiday season (1) 11-S (2) 15 Maio »» Manifestación 15m. Madrid (1) 2011 - Ano do Pentecostes (1) 2012 (1) 2012 AD (1) 2017 (1) 23 + LINKS (1) 25 de Abril (1) 31 de outubro (1) 5 TOOLS OF CHRISTIAN GROWTH (1) 80 Exits Radio (1) A BODA REAL INGLESA (1) A Cabana (1) A CIDADE DOS MORTOS (1) A Cruz e o Punhal - David Wilkerson on Scribd (1) A Cura Gay - Hélio Schwartsman (1) A DOR MÍSTICA (1) A Igreja Católica admite a predestinação? (1) A Lei do Talião (1) A Mosca (1) A NOITE ESCURA E MÍSTICA DA ALMA (1) A ORIGEM DO MAL (2) A PERVERSÃO DA SOCIEDADE (1) A Rabbi looks at Jesus of Nazareth (1) A Religião e o Exército (1) A Ressurreição não aconteceu num domingo (1) A RITUALIZAÇÃO DAS PASSAGENS DA VIDA: DESAFIOS PARA A PRÁTICA (2) A Última Ceia/Banquete (2) A VIDA EM UM DIA (1) A3 TV (1) Abolição da Monarquia (1) Aborto (3) Absoluta Depravação (9) Absurdos (2) Academia Yeshiva (1) ACAMPAMENTOS (2) Acidente de trânsito que envolveu 14 carros de luxo (1) Acidentes (1) Acordo Ortográfico (1) Adam (1) Adão (1) Adele – Turning Tables (Live) iTunes Festival 2011 (1) Adorar Jesus (1) Adventistas (1) AFETOS SINCEROS (1) After Life (1) Alauitas (1) Alemães (1) ALIENS (3) Alimentos (1) Alma (7) Alma judaica (1) Amar (1) Amor (5) Amor à primeira vista (1) AMOR AOS INIMIGOS (1) An introduction to 2012 from They Might Be Giants. (1) Anarquistas (7) And there is no life after death (1) ANDALUCIA TV (1) Anders Behring Breivik (1) ANGLO – CATOLICISMO (2) Animais (1) ANO NOVO (1) Anselmo Borges (6) ANTENA 3 E TELE MADRID (2) ANTENA 3 LIVE (1) ANTENA 3 TV (3) AntiCristo (2) ANTICRISTOS (1) ANTINOMISMO (1) António dos Santos Queirós (1) Antropologia (1) Anuradha Koirala (1) Apaixonar-se pelo seu noivo judeu (Yeshua) (1) Aparições Marianas (1) APLAUSOS (1) APOCALIPSE (1) APOCALYPSE (2) Apologética (2) Ariel Álvarez Valdés (1) Arrebatamento (1) Arte (1) ARTE E UFOS (1) Artigos (1) As freiras e monges tibetanos (1) AS SANTAS DE ELEIÇÃO E A POLÉMICA MITIGADA (1) ASSEXUAIS (1) Assexualidade (1) ASSIS (1) Ateus (1) ATO DE FÉ. ATO DE CARIDADE (4) Aura Dione (1) AUSTIN MAHONE (1) Autismo (1) AUTORIDADE (1) Avé Maria (1) AVISO UTÓPICO AOS INTERNAUTAS (1) AVISO: Booty Shakin' in Pittsburg | Aviso do blogger aos inernautas (1) Bad English (1) BAPTISMO (2) Batismo (2) BATISMO PELO ESPÍRITO SANTO (1) Batistas Primitivos (1) BEASTIE BOYS 1998 AD RIP (1) Beatificação de João Paulo II (1) Beleza (1) Bem (1) BENTO DOMINGUES (3) Bento Domingues: A Bíblia sob investigação (1) Bento Domingues: Cidadania em tempo de crise (1) Bento XVI (1) Bento XVI 'versus' Joseph Ratzinger (1) BERLIN FESTIVAL (1) Best Seder in the USA (The Passover Song) (1) BETEL TV (1) Betty Millan (2) BÍBLIA (4) BÍBLIA CONTRA DARWIN: NUNCA FOMOS MACACOS (1) BIBLIOTECA DE TEOLOGIA E EXEGESE ECUMÉNICAS - LINKS (1) Bin Laden (2) Blogue de Frei Bento Domingues (1) BLOGUE SOBRE ANIMAIS E OUTROS BICHOS (1) Blogues da Casa (2) Breast Feeding (1) BRITNEY LOUNGE (8) Britney Spears To Play Free Show In Mexico City (1) Britney's Lounge (1) Budismo (1) Bullying (2) BUZZWORTHY (2) CAB (1) Cabalat Shabat (1) Caim e Abel (1) Caio Fábio (1) Calacús (2) Calvin's Commentaries on the Whole Bible (1) Calvinismo (3) CAMINHOS (1) CAMPOS DE FÉRIAS (1) CANAL + LIVE (1) Capela Ortodoxa Online (1) capitalismo (2) Carabanchel (1) Caridade (2) Carnaval (1) Carreira das Neves (1) Casamento (2) Casamento Ortodoxo (2) Casher (1) CATEQUESE (4) Catholics (1) CATÓL INTEGRISTAS (1) Católicos Ultra Integristas (4) CBN NEWS (1) CEBAPES E DAVID STERN (1) CEGOS (1) Celebração (1) Celibato (1) Censos (1) Censos 2011 AD (3) CENTENÁRIOS (1) Cérebro (2) Chávez (1) Child Sex Abuse (1) Christian Side Hug (1) CHRISTIAN ZIONISM (1) Christimas 2011 Did You Know? (1) CHUECA (1) Ciência (1) Ciência Espírita (1) Ciétologia (1) CINA (2) Cinema (1) Cinzas (1) Circuncisão (1) Cláusula Filioque (1) Coca-Cola FM Radio (1) Coerência Cristã (1) COLUNISTA (1) COM QUEM ME DEVO CASAR (1) Comentários Calvinistas da Bíblia (1) Compaixão (1) Comportamento (1) COMUNA (1) Comunhão (1) Comunistas (1) Concílio Vaticano II (1) CONCILIUM E COMMUNIO (1) Condoms (1) Conferências (1) Constantino (2) Consultório sexual Para Crentes (1) Conversão (1) Copic (1) corpóreo da ciência (1) cremação (1) Crenças (1) Criacionismo (2) Crime (1) Crise (2) Crise económico-financeira (1) Crisma (1) Cristianismo Emergent (2) Cristianismo Emergente (2) Cristianismo Tradicional (3) Cristo (2) Cristo no Hades (1) CRISTO REI (1) Crucifixão (1) Cruz (1) CULÉS (2) Culto (1) Cultura (1) Cura (5) CURA E LIBERTAÇÃO (1) Curta Metragem (1) D-us Nos Bailundos (1) D'US E O MAL (1) D'US ELA ELE (1) Dalai Lama (1) Dalai Lama in Australia (1) das abordagens e dos resultados (2) David Wilkerson (1) DEFICIÊNCIA OPTIMISTA (1) degelo polar (1) DEIDADE (9) Democracia não se vinga (1) Demonstre o seu apoio a uma mulher como todas as outras (1) Depressão Pós-parto (1) Desenvolvimento Mediúnico (1) Desjejum de Oração da Páscoa (1) desporto (1) Deus autem unus est (1) DEUS ELE-ELA (1) DEUS O Criador Tweeter (1) Dez Mandamentos (1) Dia da Criação (1) Dia da Reforma: uma aproximação pentecostal (1) DIA DAS MÃES (1) DIA DO PAI (1) Dia dos Inocentes (1) Dia dos Namorados (1) DIA INTERNACIONAL DA JUVENTUDE (1) Diácono (1) DIANTE DO TRONO (1) Diaulas Ribeiro (1) direitos (2) Direitos Humanos (3) Disciplinar Crianças (1) divinity.es (1) DIVINIZAÇÃO (1) Divórcio (1) DÍZIMO (3) Do You Ever Think About Death? (1) Dom António Couto (1) Dominación vs Sumisión (1) Domingo (1) Dominical (1) DOR (2) Dormição (1) DUBSTEP (1) É permitido aos não judeus consultar os astros? (1) é uma alma (1) Easter (1) Economia (3) Ecumenismo (4) Educação (2) El monje Leonard Cohen (1) ELjudio sionista radical Dominique Strauss-Kahn Pdte de FMI fue arrestado por cargos de agresión sexual (1) Em que Consiste este blogue (1) Emergent Christianity (2) Emergent Church (1) Enciclopédia Judaica (1) Encontrada tumba com referência direta a Yeshua como D-us (1) Encontros (2) ENRIQUE IGLESIAS (1) Entre o ateísmo e a Crença (1) Entrevista a Eric Frattini: DEUS NÃO ESTÁ NO VATICANO (1) Erotismo (3) ERROS CONSTANTES DA BRIT HADASHAH NA VERSÃO GOYM (1) Escatologia (17) escatologia bíblica (3) Escola (1) ESCOLA SABATISTA/DOMINICAL (1) Eskup (4) Espírito Santo (1) Espritismo (1) ESTAR APAIXONADO (1) Esteta (1) Estudante da Faculdade de Direito do Largo S. Francisco zomba de mendigo e prostituta em cartaz de festa de formatura (1) ESTUDO SOBRE IDENTIDADES RELIGIOSAS (1) ETA (2) Ética (4) ETIQUETA E BOAS MANEIRAS (1) ETIQUETAS (1) EUA (1) EUCARISTIA (1) EUTANASIA (3) Evangelho de João (1) Evangelical Demonstrators Rally (1) Evolução (5) Exegese (1) Existência de Jesus como D'us (1) EXTRATERRESTRES (1) Eye OS (1) Ezequiel 28 (1) F (1) Facebook (2) Facundo Cabral en 10 canciones (1) Falemos das nossas origens e evolução (1) Falo (1) Família (2) Fariseus (1) FASHION 4 GIRLZ (1) Fátima (3) FÁTIMA NUNCA MAIS (1) faz justiça (1) (1) Fé nos Mortos (1) FEAR (2) FEBRE DE SÁBADO À NOITE (1) Feitiçaria (1) FELICIDADE (2) Feliz Aniversário (1) FÉRIAS (2) Festas (1) FESTAS JUDAICAS E CRISTÃS (1) Festival Aéreo (1) Fighting to make Israel into a military theocracy (1) Filantropia (1) Filhos adultos processam pais para serem sustentados (1) FILOSOFIA (1) Fim (2) Fim do Mundo (1) FLASHMOBS (2) FORMULA GOL NEWS (2) FORMULA GOL TV (1) Fotos (2) FOTOS DA REFORMA (1) four Reformed bodies to recognize each other's baptisms (1) Fraternizar (1) Freiras (1) FRIDAY PARTY (1) From Roman Catholic To Geirim in Orthodox Judaism (1) Fundamentalism (1) FUNDAMENTALISTAS (2) G-D ON THE ROAD (1) G-D'S ANNUAL FALL HOLY DAYS (1) G1 – Dicas de Português – Sérgio Nogueira (1) GAIS (1) GALICIA ES TRILINGÜE (1) Games (1) GAYS (1) Génese (1) Génesis (1) GLBT (15) GLBTI (9) GOD ON THE ROAD (2) GOD TUBE (1) GOL TV (1) Governo Sombra (1) Graça (1) GREEK ORTHODOX CHAPEL ONLINE E LITURGIAS REFORMADAS E CATÓLICA (1) Grupos (1) GTA Bracara Augusta (1) GTV (1) Guerra (1) Guilgul Neshamot (2) HA Satan (1) Hajj (1) HALA MADRID (1) Halloween (1) Hanukkah (2) HAROLD CAMPING (1) Hashem » He-Vau-He-Yod (1) Hélio Schwartsman - Conflito de egos (1) HEMEROTECA (7) HEMEROTECA 2 (1) Hemeroteca 3 (1) Hemeroteca 4 (1) Hermann Tertsch (1) HETEROSEXUAIS (1) Hijab (1) Hindus (1) Hits FM Madrid (1) Holy Days Calendar (1) Homossexual (2) Homossexualidade é doença? (1) Homossexualidade não é opção sexual (1) Horas (1) Hour of Power TV (1) How to Shake Hands (1) Humanitários (1) Humor (4) I am out of control and at times hard to handle. (1) I'm selfish (1) IBREVIARY (1) Ícones (1) Idosos (1) Ignorar a Lei (1) igreja católica (4) IGREJA DE DEUS (1) Igreja e Bíblia (1) IGREJA ORTODOXA DE PORTUGAL (1) Igreja Presbiteriana (2) Imaculada Conceição (2) Imagens que chocaram o Povo de Deus - Especial Britney no Brasil (1) impatient and a little insecure. I make mistakes (1) Imperialistas e humanitários (1) Incidentes (1) inclusive o amor e o respeito de terceiros (1) Inclusivo (1) Índice (1) Índice dos meus blogues (2) INFERNO (3) INRI CRISTO (2) Intimidade Teen em Diferentes Grupos étnicos (1) Intro e Salvação (1) Introdução (3) Introdução a este blogue (Cav by X) (1) IPB LIVE EVENTS (1) IPB TV (2) Islão (4) ISRAEL'S SECRET MESSIAH (1) Jared Leto (1) Jejum (1) Jennifer Knapp (1) Jesus (5) Jesus Cristo (2) Jesus Cristo existiu ou é um mito (zeitgeist)? William Lane e Rodrigo Silva respondem (1) Jesus Cristo resolveu o enigma do século (1) Jesus e o Seu sacrifício ou não sacrifício (2) Jesus nasceu em Belém ou em Nazaré? (1) Jesus realmente existiu? (1) JESUS SIM CRISTO NÃO (1) Jesus was just a man (1) JEW TV (1) Jewish Voice Ministries International (1) JIN (2) JMJ2011 (1) JOÃO PAULO II (3) Jogos (1) José Mourinho (1) José Rodrigues dos santos (1) JOSÉ TOLENTINO MENDONÇA (1) Jovem escritora fica milionária (1) jóvenes antisociales (2) Jovens (1) Judaísmo (7) Judaismo - Moré Ventura revela o verdadeiro Moises | MAZAL (2) Judaísmo e Islão 101 - Inclui Sechita e Halal | A Partícula de Deus - Anselmo Borges | Aminata - Um caso de Mutilação Genital | O caso da Circuncisão na Alemanha (1) JUDAÍSMO E O ALCOOL (1) Judaísmo Humanista (1) Judaísmo Liberal (1) Judaísmo Tradicional Anti-Zionista (1) JUDAS (3) Julgamento de Jesus (2) JUSTIÇA (1) Justin Bieber (3) JUSTIN BIEBER LOUNGE (3) Justin Timberlake (1) Kaká (1) Kalumbonjambonja (the PDF Edition) - Os Bailundos (1) KCA 2011 (1) Kids (7) Klezmer (1) L'OSSERVATORE ROMANO (1) LA 10 (1) Lady gaga (1) Las mujeres más bellas muestran su lado solidario (1) LDS (1) LEFREVIANOS (1) Lei do Talião (1) Leis Xenófobas (1) Leonard Cohen - "Hallelujah" (1) Leonardo Boff (2) Letra kuf e correção da alma (1) Ley Sinde (1) LGBT (2) LGBTI (4) Liberalismo (2) Liberdade (1) Liga Europa (13) LILITH (2) Língua Portuguesa (1) Literatura Nova (1) Liturgia (1) LIVE (1) LIVE CHAT (1) LIVE SOCCER (1) LIVE TV AND SOCCER (3) LIVING ROOM (1) Livre de doença (1) LIVROS (1) logo (1) Los bebés tienen sentido de la justicia con 15 meses (1) Los profesionales más felices (1) Lúcifer (1) Luto (1) M.FACEBOOK (1) M.PUBLICO.PT (1) M.TSF.PT (1) Maçonaria (1) Mãe/Nai Nossa (1) Magreza (1) Mahdi (1) Mal (1) MANIFS TEENS (3) Manual de Segurança no Trabalho (1) MARCA TV (2) Marcos Andrade Abrão (1) Marcos XVI (1) Marte (1) MASSIACH (1) MASTURBAÇÃO (3) MATEUS 2:23 (1) MAZAL (20) MAZAL PASSOVER | ESCATOLOGIA (1) MAZAL | CINA | O QUE É UM MOSTEIRO | AMOR CONJUGAL (1) MAZAL | CINA | O QUE É UM MOSTEIRO | AMOR CONJUGAL | É permitido aos não judeus consultar os astros? | SIGNIFICADO DE MAZAL (1) Mc Donalds (1) MEDITAÇÃO DO REFORMADOR ALEMÃO MARTINHO LUTERO SOBRE O MAL (1) Megritude (1) Melki-Tsedek (1) MEMORIAL AO MEU AMOR SIRACUSA (1) Menú para Navidad clásico (1) Menú para o Natal (1) MERENGUES (6) Metempsicose (1) Mikvah. Menorah (1) Milagre do Perdão (1) Miley Cyrus (1) Ministério Hora Final (1) Ministrar (1) Mística Paulina (1) Miuda (1) Momento (1) MOMENTOS TEEN - BRITNEY (1) Mona Prince (1) Monoteísmo Original (1) Moré Yossef Felix (1) Mórmones (2) Mormonismo (1) Mórmons (1) Morte (5) Mou (1) Mulheres (1) Mulheres no Poder (1) Musica (3) Música (2) MÚSICA ESPECIAL (1) MÚSICA POPULAR PORTUGUESA (1) MY BUTTON COLLECTION (1) Nacionalismo (1) Nadal (1) Namorar (1) Não cobices D-us a Mulher do Próximo (1) não suje a sua imagem com atitudes duvidosas. (1) Natal (2) Neo-ortodoxia (1) Neurociência da Espiritualidade (1) Neutrinos (1) News (2) Niqabs (1) No es guarra (1) NOÉ NOAH (1) Nojo (1) NOTÍCIAS RELIGIOSAS (1) novidades de 2011. ano de 2011 (1) Números Bíblicos (1) NUTRIÇÃO (1) O AMOR - NA VISÃO DOS MEDIEVAIS (1) o Dinheiro e o Mundo (1) O FEMININO (1) O futuro do planeta (1) O homem não tem uma alma (1) O Judaísmo Nazareno crê que não existem duas noivas do Messias (1) O mal (2) O Maligno (2) O Método da Evangelização Puritana (1) O meu ego prefere (livre agência) ser uma metamorfose ambulante e inclusiva de ÉLDER (1) O MEU LIVRO DA VIDA (2) O MEU SIGNO (1) O MUNDO FEMININO ÀS AVESSAS (1) O PADRE DA LIXA (1) O pecado de copiar coisas da Internet (1) O que a Bíblia permite e a igreja proíbe (1) O que é ser uma pessoa inteligente? Ou não ser? (1) O SACERDÓCIO E A BOA ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA (1) O SEXO DOS ANJOS (1) O TEMPO (1) O Último Segredo (1) Obama (1) Obama entrega alimentos por Acción de Gracias (1) OIEV (1) Online Jewish community (1) Opus Dei (1) Organograma (1) Ortodoxos (3) Os 4 Maiores (1) OS DEMÓNIOS E OS MABULIANOS (1) Os grandes Super Dragões (1) OS IRMÃOS EM BRAGA (1) OS MEUS ARTIGOS DISTANTES (1) Os meus livros (2) OS NOVOS DEZ MANDAMENTOS (1) OS POPULARES DA SEMANA II (1) Oswaldo Payá (1) oXysgenos Network (1) Padre Apeles (1) Padre da Lixa (3) Padre Javier Alonso (1) Padre José Tolentino Mendonça (1) PADRE LÉO (1) Padre Mário da Lixa (1) Padre Mário de Oliveira (4) Pai Nosso (1) Palavrões (1) PALESTINA y los PALESTINOS (1) Palestine and the Palestinians (1) PALESTRAS (1) Pamela (1) Papa (4) Papa Francisco I (2) Parkinson (1) Partículas subatômicas com massa viajando em velocidades superiores à da luz (1) Páscoa (3) Pastor (1) Pastor Adúltero (1) Pastor Vítor (1) Pátria (1) PAULO COELHO (2) Paulo no Tribunal Judaico (1) Pause For Thought (1) PDF (1) Pecado Original (3) Pecados Capitais (1) Pederastia (4) Pedobatismo (3) Pedofilia (3) Pedro Abrunhosa (1) Pedro J. Ramírez (1) Pedro Passos Coelho no Fórum TSF (1) Pedro Sukeyiro (1) Pena de Morte (1) PEÑA MADRIDISTA (2) Pentecostalismo (1) Pentecostes (2) People I follow (1) Pepsi AD (1) Perdão (1) Perdidos nas Tribos (1) Person of Interest (1) Pesach (1) Pessach (4) Pessach (Páscoa Judaica) (2) Pessoas que sigo (1) PICARETA SÉNIOR (1) Playground (2) Pluralidade dos métodos (2) Pluralismo Judaico (2) PMS (1) Poder (2) Polémica (1) Polémicas (1) Política (4) Pop + (2) POP ISRAEL RADIO (1) Por que o calendário maia trouxe tanta inquietação aos evangélicos (1) Poreotix - Friday (Rebecca Black) HD (1) Porque é que os judeus não acreditam em Jesus (1) PORQUE OLHAMOS PARA OUTRA MULHER SENDO CASADOS (1) Posições Oficiais deste blogue: entre o liberalismo e a neo-ortodoxia. E a sombra de Karl Barth (1) Possessão (1) Predestinação (5) Predestinação TV (1) Prefácio (1) Preparando otro genocidio Lo típico y lo verosímil: el atentado contra Companys (1) Preservativos (1) Prince William and Catherine Middleton's Wedding: Video Highlights (1) processo de rotação de almas (2) Procissão Ateia (1) Profecia (1) Programa Israelita (1) Programa Israelita 2 (1) Prophets (1) PROSTITUIÇÃO (5) Protestant Churches in the Netherlands G-d doesn’t exist (1) PSICIGRAFIA (1) Punto Pelota (4) Punto Pelota Real a toda velocidade (2) Pure Joy - Hour of Power Eps. 2134 and 2132 - Full Hours (1) Quaresma (2) Queer Theology (1) Question: Why do Jews in America have two Passover Seders? (1) Racialismo no Inverso (1) Racionalismo (1) Racismo (2) Racismo Anti-Semita (1) RÁDIO CADENA SER (1) Rádio Gospel FM (1) RÁDIO H7 (1) RADIO SUL AMÉRICA PARADISO - Regina Navarro Lins (1) Radios (2) RAP-CORE (1) Razão (1) Razões para D´us permitir o mal ou ficar em modo de Teismo Aberto (1) Real Madrid News (6) REBECCA BLACK (3) Recreio (2) Rectidão (1) Reencarnação (2) Reforma Protestante (1) Refutação do Protestantismo (2) Refutação dos Ortodoxos Orientais (1) Reggae (1) Regina Navarro Lins (3) RELAÇÕES UNISSEXUAIS HODIERNAS (1) Religião (1) Religião Estável e Religião Itinerante (1) Religiões Várias (2) RELIGIOSIDADE (1) Ressurreição (7) Restauração (1) REV RUN (1) Revolução (1) Revueltas en el mundo islámico (1) Rezar a Avé-Maria faz bem e muito para lá de todos os preceitos religiosas e de fé inerentes ao acto. (1) Ricardo Araújo Pereira e a questão de Deus (1) Ricardo Araujo Pereira e a Questao do HaShem (D'us) (1) Ricardo Gondim (1) Rihanna (2) Riso (1) RIT TV (2) Ritos (1) Ritos Cristãos (1) Romance (2) Rosh Hashanah: The Start of the Jewish New Year (2) Rosto de Jesus (1) Rostos de Jesus (1) Rouco Varela bendice a Rajoy (1) Roupa (1) Ruah (1) RUM (1) Sabbath (1) Sabedoria (1) Sacerdotes y bomberos (1) SADS (1) SAINT OR SINNER (1) SALTOS ALTOSDEFICIÊNCIA OTIMISTA (1) Samhain (1) Santa Maravillas (1) SANTA PAGE (1) SANTO É O ETERNO (1) Santo? Críticos de João Paulo II duvidam (1) santos (1) Satanismo (1) SATURDAY PARTY (1) Scott Anderson (1) Scriptures Metal "Books" (1) se eles têm a Bíblia? (1) Seitas (2) Semana Santa (1) Semântica (1) Ser que se aparece encarnado en animales y personas (1) Sermão da Montanha Versão Moderna (1) Sermons (1) Serviços Religiosos (3) Sete Leis de Noé (1) Sete Mandamentos para atravessarmos a crise (1) SEVENTH DAY SLUMBER (1) Sexualidade (4) Sexualidade Evangélica (2) Shabbat (4) Shavuot (1) Shmuley Boteach (1) Shroud of Turin (2) SIESTA (1) Sincretismo (1) Sindicalistas (1) Sinto nojo de machistas (1) SIRACUSA (1) SITE 4 JESUS (1) Sítio Pessoal (1) Só Jesus Salva (1) SOCCER (1) SOCCER RADIO (1) Socialistas (1) Software livre (1) Solidariedade (1) Somos responsáveis por tudo o que conquistamos (1) Sonhos (1) Sou um Dissenter (1) Spiritual Growth and Academic Performance (1) SPORTS (1) STATS (2) STATS E LINKS DE QUASE TODOS OS MEUS BLOGUES | A MINHA HEMEROTECA VIDEO (1) STATS E LINKS DE QUASE TODOS OS MEUS BLOGUES | HEMEROTECA VIDEO (1) STRAUSS-KAHN (1) Stress (1) SUD (3) SUDS (1) Suicídio (1) SUICÍDIO BULLYING RACISMO VIOLÊNCIA DE GÉNERO (1) Sunset Airshow FAV 2012 Samil (1) Super Tuesday (1) SuperCrise (2) TAGS (2) TAMBÉM ODEIAS (1) Tanya (1) Tatuagens (1) TEEN CHAT (1) Teens (3) Teísmo Aberto (1) TELE 5 LIVE (1) TELEMADRID (1) Tempo (2) TEOLOGIA (1) Teologia da Presperidade (1) TEOLOGIA FEMININA (1) TERAPIA DA TRISTEZA (1) Terapia de Orientação Sexual (1) Teresa de Ávila (1) Tese - Judeus (1) Tese Sobre Homossexualismo (1) Teshuvá (1) Testemunho de um casal (1) texto de Lutero (1) TEXTOS BÍBLICOS SOBRE O DÍZIMO E OUTRAS OFERTAS (2) The 700 Club (1) THE CERN COLLIDER: DEMONIC PORTALS (1) THE END (1) THE GOLDEN CALF (1) THE MACCABEATS (1) THE VATICAN (1) The Wanted (1) The World Reformed Fellowship Statement of Faith (1) The World's Sexiest Book (1) Tikkun ha-Olam (1) TO BE ONE (1) tolerância (1) Tom Cruise (1) TOM HORN (1) Tools (1) TORAH COMPLETA (1) Trabalho (1) TRADICIONALISTAS (1) Trance (1) TranceFM DJ (1) Transfusão de Sangue (1) Tratado da Verdadeira Devoção - Predestinação Marista (1) TRINDADE (13) TRINDADE - DEBATE (1) Tristeza (1) Tu B’Shevat (1) Tulisa - Young (1) Tumblr (1) TV (5) TV Cancão Nova (1) TV CRISTÃ (1) Tweets (7) TWITLONGER (1) Twitter Pessoal (1) Twitters de Regina Navarro Lins (1) TWWW.TV LIVE (1) Una doble de Justin Bieber arrasa en YouTube (1) Unção (1) Uncharted3 na Jordânia - Curto Circuito (1) UNIÃO CARNAL DE PAULO COM CRISTO (1) UNICISTA (9) Uniões Conjugais fora do Matrimónio (1) UNITÁRIOS (9) Universalismo (1) VERBETES (1) Vermes (1) VERNÁCULO (1) Véu (1) VEVO (1) Vida depois da vida (1) Videos (1) Vigo (1) VIGO VIDEO LIVE WEBCAM (1) VIOLÊNCIA DOMÉSTICA (1) VIRGIN (1) Virgindade de Maria (1) Virtudes Teologais (1) VOCÊ E AS SUAS PARTES PARASHÁ VAYIKRÁ | MAZAL (1) Volta de Jesus (1) WEIRD IN A “GOD” WAY (1) Weird por o Reverendo Craig Groeschel (1) What's that crazy Jew been up to? (1) Women and the NIV Bible (1) Xmas (4) Y la plaza de Chueca no se puso los auriculares (1) Ya somos 7.000 millones (1) Yeshua (2) Yom Huledet Sameach (1) Yoshke of Nazareth (1)

    KSS: TWITTER TRENDS IN SPAIN | KLEZMER MUSIC

    Twitter Trends in Spain

    Twitter Trends, Spain - Trendsmap

    http://amesadecafe.wordpress.com/2008/09/21/musica-klezmer-feita-em-portugal/ http://worldmusic.about.com/od/europeanjudaica/p/Klezmer.htm
    Concelho de Braga, Portugal »» Abro uma frente contra o individualismo liberal, que reduz tudo o que envolve a Humanidade à mera economia, e contra o totalitarismo que faz desaparecer o individuo dentro da máquina absorbente do Estado e da Religião, proclamo que somente numa sociedade com vida própria pode desenvolver-se a liberdade concreta a que a humanidade tem direito. O moto “Ecclesia Reformata et Semper Reformanda Est” (“Igreja Reformada e sempre reformando-se”) continua vigente. Quero reforçar a sociedade como travão ao Estado e à Religião, a fim de proteger e promover a liberdade do Indivíduo. Corresponde ao Estado a função de coordenador político, para manter a unidade teológica e orgánica do corpo social, dirigindo, vigiando e impulsionando a vida colectiva. Through the grace of our Lord YAOHÚSHUA (Jesus), the love of G-d, and the communion of the ‘Rukha Hol-Hodshúa (Holy Spirit), I trust in the one triune G-d (YÁOHU ULHÍM), the Shúam (Name), the Holy One of Yaoshorúl (Israel), whom alone I worship and serve (http://gamc.pcusa.org/ministries/pda/). God comes to us in free and undeserved favor in the person of YAOHÚSHUA who lived, died, and rose for us that we might belong to G-d and serve Mehushkhay (Christ) in the world. Following YAOHÚSHUA, Presbyterians are engaged in the world and in seeking thoughtful solutions to the challenges of our time. Presbyterians affirm that G-d comes to us with grace and love in the person of YAOHÚSHUA, who lived, died, and rose for us so that we might have eternal and abundant life in him. As Mehushkhay’s (Christ’s) disciples, called to ministry in his name, we seek to continue his mission of teaching the truth, feeding the hungry, healing the broken, and welcoming strangers. G-d sends the ‘Rukha Hol-Hodshúa (Holy Spirit) to dwell within us, giving us the energy, intelligence, imagination, and love to be Mehushkhay’s (Christ’s) faithful disciples in the world. More than two million people call the Presbyterian Church, http://www.pcusa.org/, (in the U.S.A.) their spiritual home. Worshipping in 10,000 Presbyterian congregations throughout the United States (also in other countries and cities like the city of Braga, Portugal [NOT DIRECTLY CONNECTED BUT INSPIRED BY]: Apresento-vos, amados santos (consagrados) do D-us Ela-Ele/Ele-Ela Eterno, formalmente a MINHA AMADA IGREJA/OHOLYÁO/CONGREGAÇÃO OFICIAL, no meu magnífico site/sítio: http://www.wix.com/ViktorMoreno/conviteavalsa: IGREJA BAPTISTA (PRESBITERANA) PENTECOSTAL – Vias Prebendas dignas duma lauda ou de um asteísmo: Rua de S. Martinho, 9 / Rua Manuel Álvares, 9, Braga; Horários: Terça: 20:30/21:00 (Verão: 21:00); Sábado: 19:00 hrs (Abaixo dos Bombeiros Municipais; em frente da gasolineira “BP” – Sapadores) C.P./Cidade: 4700 Braga; Telemóvel oficial do Pastor: 964 803 540, “ESCRITURAS OFICIAIS”: http://verdadesquelibertam.wordpress.com/as-escrituras-na-versao-yaohushua-clique-aqui/), they engage the communities in which they live and serve with G-d’s love. IGREJA EVANGÉLICA CONSERVADORA FUNDAMENTALISTA EM BRAGA Endereço Rua da Cruz da Pedra, 39 Sítio e contacto Ceia do Senhor Domingo, 10:00 Escola Dominical Domingo, 10:45 Preg. Evangelho Domingo, 10:45 Estudo Bíblico Quarta, 21:00 Oração Sexta, 21:00 Jovens Sábado, 20:30 Senhoras Último Domingo, 15:30 Anciãos Samuel Antunes Vieira, Ernesto da Silva Vieira e David Antunes Vieira Observações Início da presença da Igreja na localidade: Junho de 1957 Data de comemoração de aniversário: 4 de Junho

    Kids Shabbos School

    Esta semana oramos por:

    BÍBLIAS EM VÁRIOS IDIOMAS E TODOS OS MEUS POSTS




    Tags: MTV Shows
    Estudo alerta para ingestão de peixes contaminados com mercúrio A ingestão de peixe contaminado com mercúrio é a principal via de exposição ao metal tóxico e uma ameaça para a saúde no mundo todo, segundo um relatório publicado na revista científica sueca "Ambio". O estudo, elaborado a partir de cinco artigos de especialistas e divulgado hoje pela imprensa britânica, indica que, atualmente, o grau de contaminação com mercúrio industrial é três vezes maior que antes da Revolução Industrial. A poluição de oceanos, lagos, rios e mares deixou alguns peixes com altos níveis tóxicos de mercúrio, cuja ingestão é especialmente prejudicial para grávidas, recém-nascidos e crianças. Os danos causados, inclusive pelos baixos níveis de mercúrio, no desenvolvimento do cérebro são conhecidos há décadas, mas os cientistas do estudo ressaltam que ainda não foi feito o suficiente para reduzir a exposição ao mínimo. O relatório, aprovado por mais de mil cientistas na Conferência Internacional sobre a Contaminação do Mercúrio, realizada no segundo semestre do ano passado, em Madison (Estados Unidos), destaca que os efeitos tóxicos do mercúrio também aumentam o risco de ataques cardíacos, especialmente entre os homens adultos. Apesar da redução das emissões de mercúrio registradas nos países desenvolvidos nos últimos 30 anos, os níveis continuaram elevados por causa das emissões dos países em desenvolvimento. Segundo o professor da Universidade de Wisconsin James Wienes, as implicações políticas da descoberta "são claras". Nos Estados Unidos, a fim de reduzir a exposição ao mercúrio, o Governo lançou uma campanha para alertar as mulheres grávidas para o consumo limitado de peixes, especialmente de pescado branco e mariscos, que devem ser ingeridos em quantidades inferiores a 340 gramas por semana. Uma medida similar é promovida pela agência sanitária britânica, a Food Standards Agency, que aconselha as grávidas a evitar o consumo de tubarão e peixe-espada, e limitar o de atum, já que estes são os peixes com os níveis de mercúrio mais elevados. No entanto, pesquisadores britânicos da Universidade de Bristol descobriram que o pescado também contém ácidos ômega 3 e outros nutrientes essenciais para o desenvolvimento do cérebro, apesar da ameaça que supõe para a saúde sua contaminação com mercúrio. A partir de um estudo com 9.000 famílias, o relatório, publicado na revista britânica "The Lancet", concluiu que os riscos do consumo de peixes são superados por seus benefícios. Fonte: http://noticias.uol.com.br/ultnot/efe/2007/03/08/ult1766u20692.jhtm
    Thaeme e Thiago - Apocalipse (Part. Marcos e Belutti).mp3
    Força Jovem Brasil
    Vancouver Riots 2011
    Hour of Power 2158 (Full Episode) from Crystal Cathedral Ministries on Vimeo.
    Kalumbonjambonja (the PDF Edition) – Versão Revista em Junho 2011http://www.scribd.com/embeds/58688769/content?start_page=1&view_mode=list&access_key=key-98b01xvklntkfrsftp0 Os Meus Posts
    Visitar-me em Twix.com

    Religion Blogs
    blog sites
    Festa da Taça já começou, siga aqui!



    Rapture aside, America's evangelical Christians deserve a little respect
    Tim Stanley - The Telegraph - 22 May 2011          
    Thanks to Vaal for the link Last week I went to a small evangelical church in West Los Angeles to test the mood pre-Rapture. This particular congregation did not buy the prediction by...
    CBS News - CBS - 22 May 2011          
    An aspect of religion that intrigues me is its capacity to con money out of a seemingly endless supply of gullible idiots. Is there anything so stupid that, if you put it out there, you can't find...
    The Thinking Atheist - YouTube - 21 May 2011
    This is worth watching
    Leonard Susskind - TED - 21 May 2011          
    Thanks to weavehole for the link What's it like to be pals with a genius? Onstage at TEDxCaltech, physicist Leonard Susskind spins a few stories about his friendship with the legendary Richard...
    TAGGED: PHYSICS, SPEECHES
    Ben Goldacre - Guardian - 21 May 2011
    Here's no surprise: beliefs that we imagine to be rational are bound up in all kinds of other stuff. Political stances, for example, correlate with various personality features. One major review in...
    Eric MacDonald - Choice in Dying - 21 May 2011          
    This is the second instalment of (former Reverend) Eric MacDonald's replies to reviews of The God Delusion , following the one we posted yesterday. He promises more, and I, for one, look forward to...
    Greta Christina - AlterNet - 20 May 2011          
    Atheists, by definition, don't think any religion has any reasonable likelihood of being true. And yet, for some weird reason, we're often asked to choose between them. Believers often accuse us...
    TAGGED: RELIGION, WINGNUTS
    David Silverman - CNN - 20 May 2011          
    Let nobody doubt that religion hurts people. Good, intelligent, caring people suffer every day and everywhere at the hands of religion, the happy lie. Religion is used by dishonest people who...
    Jerry Coyne - WEIT - 20 May 2011
    I’m so glad that Eric’s website, Choice in Dying, has taken off in a big way. He regularly posts thoughtful commentaries, and, unlike most of us, can’t be accused of theological naivité (he was,...
    Eric MacDonald - Choice in Dying - 20 May 2011
    I’ve been reading reviews of Richard Dawkins’ The God Delusion over the last few days. There are a surprising number of them. Most of them, as is to be expected, no doubt, are written by religious...
    ASHLEY PARKER - The New York Times - 20 May 2011          
    Abby Haddad Carson and Robert Carson say Saturday is Judgment Day; the children, Joseph, Faith and Grace, do not The Haddad children of Middletown, Md., have a lot on their minds: school...
    TAGGED: RAPTURE, WINGNUTS
    - - RDF Store - 20 May 2011          
    Evolution Fun for Kids! Award winning evolution activity playmat, poster and activity guide Special introductory prices, click here to buy
    Bang goes the theory - BBC - 19 May 2011          
    We've already posted a brief, edited version of this conversation, and promised that the full version would come along later. Here, now, is the full version. Link to original post and comments ...
    Ruth Gledhill - The Times - 19 May 2011          
    Religion should not be allowed to “hijack” the great cultural resource of the Bible, according to the atheist scientist Professor Richard Dawkins. Asked by the Labour MP Frank Field, chairman...
    Michelle Boorstein - Washington Post - 19 May 2011          
    UPDATE (thanks to Miranda Celeste for the link): a pdf of the 143-page report itself is here . The largest study ever done on youth sexual abuse by Catholic clergy concludes that the scandal...
    British Humanist Association and RDFRS - BHA website - 18 May 2011          
    Date: 9th June 2011 Start time: 7:00pm for 7:30pm start - 8:30pm Venue: Logan Hall, Institute of Education, 20 Bedford Way, London WC1H 0AL Tickets: Non-members £6.00; £4.00 for BHA members...
    Bart Erhman - YouTube - 18 May 2011          
    This is a very nice – and witty – little vignette by Bart Ehrman. The central Christian dogma of the Trinity, it turns out, occurs in only one place in the bible, in the first epistle of John,...
    TAGGED: RELIGION

    AVISO DO BLOGUE:
    Abro uma frente contra o individualismo liberal, que reduz tudo o que envolve a Humanidade à mera economia, e contra o totalitarismo que faz desaparecer o individuo dentro da máquina absorbente do Estado e da Religião, proclamo que somente numa sociedade com vida própria pode desenvolver-se a liberdade concreta a que a humanidade tem direito. O moto "Ecclesia Reformata et Semper Reformanda Est" ("Igreja Reformada e sempre reformando-se") continua vigente. Quero reforçar a sociedade como travão ao Estado e à Religião, a fim de proteger e promover a liberdade do Indivíduo. Corresponde ao Estado a função de coordenador político, para manter a unidade teológica e orgánica do corpo social, dirigindo, vigiando e impulsionando a vida colectiva. Through the grace of our Lord YAOHÚSHUA (Jesus), the love of G-d, and the communion of the 'Rukha Hol-Hodshúa (Holy Spirit), I trust in the one triune G-d (YÁOHU ULHÍM), the Shúam (Name), the Holy One of Yaoshorúl (Israel), whom alone I worship and serve (http://gamc.pcusa.org/ministries/pda/). God comes to us in free and undeserved favor in the person of YAOHÚSHUA who lived, died, and rose for us that we might belong to G-d and serve Mehushkhay (Christ) in the world. Following YAOHÚSHUA, Presbyterians are engaged in the world and in seeking thoughtful solutions to the challenges of our time. Presbyterians affirm that G-d comes to us with grace and love in the person of YAOHÚSHUA, who lived, died, and rose for us so that we might have eternal and abundant life in him. As Mehushkhay's (Christ’s) disciples, called to ministry in his name, we seek to continue his mission of teaching the truth, feeding the hungry, healing the broken, and welcoming strangers. G-d sends the 'Rukha Hol-Hodshúa (Holy Spirit) to dwell within us, giving us the energy, intelligence, imagination, and love to be Mehushkhay's (Christ’s) faithful disciples in the world. More than two million people call the Presbyterian Church, http://www.pcusa.org/, (in the U.S.A.) their spiritual home. Worshipping in 10,000 Presbyterian congregations throughout the United States (also in other countries and cities like the city of Braga, Portugal (Observation: My Church is not directly connected but inspired by): Apresento-vos, pois, formalmente a MINHA AMADA IGREJA OFICIAL, http://www.wix.com/ViktorMoreno/conviteavalsa: IGREJA BAPTISTA (PRESBITERANA) PENTECOSTAL - Vias Prebendas dignas duma lauda ou de um asteísmo: Rua de S. Martinho, 9 / Rua Manuel Álvares, 9, Braga; Horários: Terça/Quinta: 20:30/21:00 (Verão: 21:00); Sábado: 19:00 hrs (Abaixo dos Bombeiros Municipais; em frente da gasolineira "BP" - Sapadores) C.P./Cidade: 4700 Braga; Telemóvel oficial do Pastor: 964 803 540, "ESCRITURAS OFICIAIS": http://verdadesquelibertam.wordpress.com/as-escrituras-na-versao-yaohushua-clique-aqui/), they engage the communities in which they live and serve with G-d’s love. To ilustrate read the blog's article about women's leadership in Church: http://supralapsarianismo.wordpress.com/2010/10/11/damasio-%e2%80%9co-signo-o-tempo-e-a-consciencia%e2%80%9d-maria-a-mae-de-yaohushua-era-hermafrodita-como-o-afirmam-alguns-muculmanos/
    Também temos uma reflexão democrática com o contraditório: http://conviteavalsa.blogspot.com/2010/09/yaohushua-e-o-nosso-sumo-bem-da.html

    Bento Domingues: Os partidos na Igreja

    No "Público" de 22 de Maio de 2011 AD


    USA DENOMINATIONS LINKS
      DENOMINATIONS
      • Link to denominations | Portuguese Denomination: Metodistas de Portugal
      • Circuito de Braga
        alt BRAGA
        Morada: Travessa Dr. Francisco Machado Owen, 45 (Bairro Social St.ª Tecla) 4710 - 322 Braga Telefone: 253 271 266 Horário das Reuniões: Domingo - 10:00 Escola Dominical Domingo - 11:00 Culto 5ª Feira - 21:00 Estudo Bíblico Pastor responsável: Revª. Eunice Alves Telemóvel: 963 107 631
    ANTENA3 TV
    Fluir.tv
    edsom on livestream.com. Broadcast Live Free
    Watch live streaming video from apliveroyalwedding at livestream.com
    Fernanda Henriques, da Universidade de Évora, constatando que D'us se tornou um ídolo masculino patriarcal - se D'us é masculino, o masculino é D'us e, então, como é que as mulheres se pensam quando se dirigem a D'us figurado no masculino -, afirmou que as teologias feministas devem ser um braço da teologia da libertação, fundamentais para a renovação da Igreja (independente da denominação cristã) e decisivas para equilibrar as representações do homem e da mulher no seu valor na sociedade.
    Documento Final – Compromisso da Cidade do Cabo - Parte I PDF Imprimir E-mail
    Seg, 16 de Maio de 2011 AD
    Documento Final – Parte 2/4
    Congresso Lausanne III
    Compromisso da Cidade do Cabo
    5. Nós amamos o Espírito Santo
    Nós amamos o Espírito Santo na unidade da Trindade, juntamente com o Deus Pai e o Deus Filho. Ele é o Espírito missionário enviado pelo Pai missionário e pelo Filho missionário, que sopra vida e poder na Igreja missionária de Deus. Nós amamos e oramos pela presença do Espírito Santo, pois sem que o Espírito testemunhe de Cristo, o nosso testemunho é inútil. Sem a obra de convencimento do Espírito, é vã nossa pregação. Sem os dons, a direção e o poder do Espírito, nossa missão é mero esforço humano. E sem o fruto do Espírito, nossas vidas desinteressantes não conseguem refletir a beleza do evangelho.
    A) No Antigo Testamento vemos o Espírito de Deus ativo na criação, em obras de libertação e de justiça, enchendo pessoas do Espírito e capacitando-as para todo tipo de serviço. Profetas cheios do Espírito aguardavam ansiosamente a vinda do Rei e Servo, cuja Pessoa e obra seriam capacitadas pelo Espírito de Deus. Os profetas também aguardavam a era que seria marcada pelo derramamento do Espírito de Deus, trazendo nova vida, obediência renovada e dons proféticos para todo o povo de Deus, jovens e velhos, homens e mulheres.[17]

    Leia mais...
    Follow me on Twitter!
    [TRU:] YOUNG TELEVISION
    TV IPB
    Follow me on TwitLonger! Clique no http://www.twitlonger.com/index.php/main_new The Lord's Prayer by Huntley Brown - 2147 from Crystal Cathedral Ministries on Vimeo.
    Hour of Power Ep. 2153 - Full Hour from Crystal Cathedral Ministries on Vimeo.
    Amazing Grace performed by Crystal Cathedral Choir & Worship Team - 2153 from Crystal Cathedral Ministries on Vimeo.
    Hour of Power EP. 2154 - Full Hour from Crystal Cathedral Ministries on Vimeo.
    [TRU:] YOUNG TELEVISION
    TV IPB
    Watch live streaming video from tvbetel at livestream.com

    KSS: SHABBOS/SHABBAT

    CATEGORIAS FUNDAMENTALISTAS NÃO INCLUSIVAS E INCLUSIVAS | A ESPERANÇA DOS DEFICIENTES

    2120 Full Hour from Crystal Cathedral Ministries on Vimeo.

    The Fundamental Top 500


    The Baptist Top 1000 


    IFB1000
    http://unisinos.br/blog/ihu/category/juventude/ » Estudo do Ibase mostra como pensa a juventude sul-americana A juventude perdida da América Latina Uma selvagem celebração da liberdade, da juventude, do excesso » http://www.ihu.unisinos.br/index.php?option=com_noticias&Itemid=18&task=detalhe&id=34669 A fé da juventude. Estudos inéditos apontam um descrédito das religiões ‘Hoje não há geração, há tribo’. A diferença entre a juventude de 1968 e hoje. Entrevista com Zuenir Ventura ||| http://magcalcauvin.files.wordpress.com/2011/05/dc3adzimo.pdf »»»» DÍZIMO PDF ESPECIALMENTE A PÁGINA 5 » http://magcalcauvin.wordpress.com/2011/05/10/dizimo-uma-ideia-de-genio-de-agostinho/

    The Expanded Bible New Testament | Youthworks Bible Studies - Sex, Relationship & the Bible